São Paulo: Rodoviários suspendem a paralisação agendada para segunda-feira (6)

São Paulo: Rodoviários suspendem a paralisação agendada para segunda-feira (6)

4 de junho de 2022 Off Por Redação Revista do Ônibus

SÃO PAULO – A paralisação dos rodoviários da cidade de São Paulo que seguia agendada para ocorrer nesta próxima segunda-feira (6), foi suspensa nesta última sexta-feira (3). A categoria aprovou na última quarta-feira (1º) pela greve no transporte.

São Paulo: Rodoviários suspendem a paralisação agendada para segunda-feira (6) - revistadoonibus

O Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário e Urbano de São Paulo – Sindimotoristas, informou que retomou as negociações e que até a próxima terça-feira (7), deverão informar ao Tribunal Superior do Trabalho – TST, sobre a suspensão da paralisação.

A greve foi anuncia anteriormente pelos rodoviários, após não haver um avanço nas negociações salariais com as empresas de ônibus e com o governo municipal.



São Paulo: Rodoviários suspendem a paralisação agendada para segunda-feira (6) - revistadoonibus

“O pedido dos trabalhadores é de reajuste salarial de 12,47%, mais aumento real, fim da hora de almoço não remunerada, participação nos lucros (PLR), fim do desconto no vale refeição quando os trabalhadores entregam atestado médico, melhorias no plano de saúde, fim das nomenclaturas no setor de manutenção, garantia da data-base, reajustes no vale refeição e garantia de todos os outros pontos da Convenção Coletiva”, explicou o presidente do sindicato, Valdevan Noventa.

São Paulo: Rodoviários suspendem a paralisação agendada para segunda-feira (6) - revistadoonibus

Confira a nota do Sindmotoristas

Aconteceu na tarde desta sexta-feira (3), uma audiência entre representantes do Sindmotoristas, SPUrbanuss e SPTrans, intermediada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT), para debater os rumos da Campanha Salarial da categoria que pode causar sérios transtornos ao trânsito da maior cidade da América Latina.

No encontro, as partes decidiram consensualmente que as negociações serão retomadas. Assim, a greve anunciada para acontecer nessa próxima segunda-feira, dia 6, está suspensa.

“O SINDMOTORISTAS preza pelo diálogo e bom senso. Nos preocupamos e não temos o menor interesse de prejudicar a população de São Paulo, mas também não podemos deixar de defender os interesses da categoria. Se as negociações não avançarem a greve vai acontecer”, declararam os diretores do sindicato.

As tratativas entre os representantes do Poder Público, os empresários e os diretores do Sindmotoristas acontecerão ao longo desses dias, visando encontrar uma breve proposta que faça jus às reivindicações dos trabalhadores em transportes.

Na terça-feira, os sindicatos (patronal e dos trabalhadores) deverão informar ao TST o resultado das negociações.

Com informações da SPTrans