Rio Branco: Prefeitura estende em mais 120 dias o prazo de intervenção no transporte

Rio Branco: Prefeitura estende em mais 120 dias o prazo de intervenção no transporte

25 de abril de 2022 Off Por Redação Revista do Ônibus

RIO BRANCO – A Prefeitura de Rio Branco publicou nesta segunda-feira (25), no Diário Oficial do Estado a prorrogação por mais 120 dias através de decreto a intervenção da operação do Sistema Integrado de Transporte Urbano de Rio Branco. O decreto nº 649 é assinado pelo prefeito Tião Bocalom.

Rio Branco: Prefeitura estende em mais 120 dias o prazo de intervenção no transporte - revistadoonibus

O governo municipal decretou no dia 21 de dezembro de 2021 a intervenção do transporte, e agora afirma que não houve possibilidade da conclusão dos trabalhos em relação à intervenção, em meio a complexidade da demanda do transporte.

No último mês de fevereiro, a empresa Ricco Transportes passou assumir as 31 linhas municipais de Rio Branco, de forma emergencial, após a Auto Viação Floresta ter deixado de operar na cidade.



Rio Branco: Prefeitura estende em mais 120 dias o prazo de intervenção no transporte - revistadoonibus

O prefeito Tiã Bocalom informou que o novo prazo tem como finalidade principal abrir essa licitação para que sejam contratadas mais duas empresas.

“Estamos ainda abrindo essa caixa preta e tem muita coisa que a gente precisa esclarecer agora depois de um bom tempo. Graças a Deus que conseguimos fazer esse decreto há 120 dias e estamos prorrogando agora para a gente continuar melhorando o transporte. A nova empresa já está atuando em 70% do transporte coletivo e melhorou muito, os ônibus são mais novos, circulam no horário, os trabalhadores estão recebendo em dia, os direitos trabalhistas estão sendo depositados em dia, e era o que a gente mais queria e agora, dentro de mais alguns dias, com essa prorrogação, a gente acaba colocando todas as linhas nas mãos desta empresa para ela dar qualidade e então, colocarmos a licitação para contratar duas novas empresas para atender por mais anos”, diz.

Com informações da Rede Amazônica e Prefeitura de Rio Branco