MG: Pedro Leopoldo irá pagar subsídio mensal de R$ 250 mil para empresa de ônibus em 2022

MG: Pedro Leopoldo irá pagar subsídio mensal de R$ 250 mil para empresa de ônibus em 2022

28 de dezembro de 2021 Off Por Redação Revista do Ônibus

PEDRO LEOPOLDO – Os moradores de Pedro Leopoldo, município da Região Metropolitana de Belo Horizonte, acusam a prefeitura de não prestar esclarecimentos sobre a situação do transporte municipal que segue sendo alvo de reclamações diárias na cidade.

MG: Pedro Leopoldo irá pagar subsídio mensal de R$ 250 mil para empresa de ônibus em 2022 - revistadoonibus

.

De acordo com informações do Estado de Minas, a empresa Transporte Expresso Unir, exigiu do governo municipal algumas condições para se manter prestando o serviço na cidade, como receber mensalmente o valor de R$ 282 mil, como forma de subsídio tarifário, com o objetivo segundo a empresa de ônibus de manter o seu equilíbrio financeiro.

Dos R$ 282 mil, a Prefeitura de Pedro Leopoldo deverá fazer o pagamento mensal no valor de R$ 250 mil para a empresa de ônibus e o restante do valor, deverá ser da revisão no valor da tarifa, com o aumento por exemplo de R$ 0,20, que será repassado para os moradores.



MG: Pedro Leopoldo irá pagar subsídio mensal de R$ 250 mil para empresa de ônibus em 2022 - revistadoonibus

Repasse foi autorizar por vereadores

No último dia 22 de dezembro, os vereadores aprovaram a solicitação durante uma reunião extraordinária, realizada na Câmara Municipal de Pedro Leopoldo, porém, os parlamentares, não comunicaram nada aos moradores, o que passou gerar revolta entre as pessoas que utilizam os precários ônibus que circulam na cidade, como denunciam os moradores de Pedro Leopoldo.

Em meio a decisão do prefeito de manter a Expresso Unir operando as linhas do município, há muitas reclamações em redes sociais e também em grupos de mensagens por aplicativo, onde os moradores relatam atrasos, ônibus em péssimas condições de uso .

MG: Pedro Leopoldo irá pagar subsídio mensal de R$ 250 mil para empresa de ônibus em 2022 - revistadoonibus

.

Ainda segundo os moradores, a Expresso Unir que opera na cidade há 20 anos e que teve o encerramento do contrato no último dia 15 dezembro de 2020, deverá operam em Pedro Leopoldo ao menos nos próximos dois anos, recebendo mensalmente o valor de R$ 250 mil que serão repassados pela prefeitura, mesmo, com tantas reclamações do péssimo serviço prestado.

Com o novo contrato, a partir da primeira semana de janeiro de 2022, acredita-se que a circulação dos ônibus, volte ter os mesmos horários que eram praticados antes da pandemia da Covid-19. No período de restrição na circulação dos ônibus, muitos moradores deixaram de trabalhar, inclusive pela falta de condução em alguns bairros.

MG: Pedro Leopoldo irá pagar subsídio mensal de R$ 250 mil para empresa de ônibus em 2022 - revistadoonibus

.

De acordo com o estudo feito para entender a tarifação do transporte municipal de Pedro Leopoldo, mostra que 160 mil passageiros são transportados nas 12 linhas municipais que atendem todo o município e que com os dados, a pesquisa que foi concluída, chegou ao valor do subsídio de R$ 282.484,82 para manter o valor da tarifa pública em R$ 4,00 em 2022. Como a prefeitura vai subsidiar até R$250 mil, vai ficar faltando R$ 32.484,82, que poderá ser dividido para os 160 mil usuários do município, dando um total de cerca de 20 centavos de aumento nas passagens.

A Prefeitura de Pedro Leopoldo ainda não se manifestou sobre o assunto, até a publicação desta reportagem.

.

Com informações da Band News FM Minas e Estado de Minas