Últimas:
SP: Ônibus fretado pela Bracell com 41 trabalhadores tomba deixando um morto, em Lençóis Paulista

LENÇÓIS PAULISTA – Um ônibus rodoviário modelo Vissta Buss LO, placa KRR0808, que já pertenceu a empresa Auto Viação Jurema do Rio de Janeiro, e que foi incorporado a frota da empresa Scatur, acabou tombando na manhã desta segunda-feira (4), com 41 trabalhadores quando trafegava pela Rodovia Juliano Lorenzetti, em Lençóis Paulista, no interior de São Paulo. (SP).

SP: Ônibus fretado pela Bracell com 41 trabalhadores tomba deixando um morto, em Lençóis Paulista - revistadoonibus
Foto: Gabriela Prado – Tv Tem

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária de São Paulo, o ônibus acabou tombando no acostamento da rodovia e o trecho não chegou ser interditado, apenas recebeu sinalização, para que se evitasse novo acidente. Uma equipe da perícia da Polícia Civil esteve no local ainda pela manhã. A TV Tem informou que o motorista do veículo não foi encontrado.

“Nós fizemos o contato com os trabalhadores que estão na UPA e eles disseram que o motorista se evadiu do local do acidente, mas estamos aguardando para ver se ele se apresenta para entendermos melhor como o acidente aconteceu. Aqui é um local de rotatória, não tem placa de velocidade, mas por ser uma rotatória é de cerca de 40 km/h. A perícia vai analisar o tacógrafo para ver qual velocidade o ônibus estava”, afirmou o capitão da PM, Élcio Torres.

SP: Ônibus fretado pela Bracell com 41 trabalhadores tomba deixando um morto, em Lençóis Paulista - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

A empresa Bracell, informou que que o ônibus estava fretado de uma empresa com sede em Tietê no interior do estado e seguia transportando os funcionários terceirizados para a prestação de serviços em dos projetos. A empresa disso ainda que que funcionários auxiliaram no socorro das vítimas e que foram realizados 39 atendimentos, entre vítimas leves e moderadas, uma morte e uma pessoa que foi socorrida em estado grave.

A empresa informou também que lamenta o ocorrido e está dando todo suporte necessário aos envolvidos, além de colaborar com a investigação.

SP: Ônibus fretado pela Bracell com 41 trabalhadores tomba deixando um morto, em Lençóis Paulista - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

Segundo testemunhas, o motorista que não teve a sua identidade revelada, deixou o local do acidente antes da chegada de equipes de socorro e da Polícia Militar. Mas, ele se apresentou na delegacia em Lençóis Paulista, no fim da manhã, onde prestou depoimento. A polícia investiga se ele retirou o tacógrafo do veículo após o acidente.

A perícia esteve no local do acidente durante a manhã e, durante a vistoria no veículo, o tacógrafo, que é o equipamento que registra a velocidade e outras informações importantes do trajeto, tinha sido retirado.

A equipe de reportagem da Tv Tem tentou falar com motorista na delegacia, mas ele não quis gravar entrevista. No entanto, ele confirmou para a reportagem que retirou o tacógrafo do veículo.

SP: Ônibus fretado pela Bracell com 41 trabalhadores tomba deixando um morto, em Lençóis Paulista - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

Para a polícia, ele disse que saiu do local do acidente por medo de ser agredido. Ele disse também que alguns passageiros começaram a ficar agressivos com ele.

Ainda conforme relato do motorista à polícia, também houve falha nos freios do veículo e por isso ele teria perdido o controle do ônibus na curva. O ônibus ainda será retirado do local do acidente e levado para uma perícia que será realizada em Bauru.

O ônibus saiu de Bauru, onde os trabalhadores que são de uma empresa terceirizada estão hospedados para levá-los até a Bracell, onde eles prestam serviço em um dos projetos da multinacional.

Scatur sem maniefsta

De acordo com Anderson Scatena, que é o representante da empresa de ônibus Scatur, responsável pelo transporte dos funcionários e que tem sede na cidade de Tietê (SP), disse que lamenta o ocorrido e que a empresa está prestando toda assistência às vítimas.

A empresa de ônibus que teve o coletivo tombado, informou ainda que estará aguardando os laudos periciais da polícia sobre o acidente. Além disso, reforçou que tanto o veículo quanto o motorista estavam com as documentações em ordem.

A empresa terceirizada que presta os serviços para Bracell disse, em nota, está prestando toda assistência aos trabalhadores e seus familiares e que está colaborando com a apuração das causas do acidente.

Com informações da Bracell, Polícia Militar Rodoviária de São Paulo, Scatur Turismo e TV Tem


%d blogueiros gostam disto: