Campo Grande: Consórcio Guaicurus paga vale nesta terça-feira

Campo Grande: Consórcio Guaicurus paga vale nesta terça-feira

28 de junho de 2022 Off Por Redação Revista do Ônibus

CAMPO GRANDE – Os funcionários do transporte municipal de Campo Grande, recebem nesta terça-feira (28), o vale que é o adiantamento de 40% do salários do mês seguinte, que foi feito pelo Consórcio Guaicurus. Porém, a empresa informou, no entanto, que não há dinheiro em caixa neste momento para quitar o restante do salário na semana vem.

Campo Grande: Consórcio Guaicurus paga vale nesta terça-feira - revistadoonibus

A informação foi confirmada pelo advogado do Consórcio, André Borges, que afirmou que “Por isso a necessidade de uma solução urgente para este problema”, como adiantou o portal MidiaMax.

Na última terça-feira (21), os rodoviários cruzaram os braços devido ao atrasos no pagamento do vale. De acordo com a categoria, o pagamento do adiantamento é pago tradicionalmente no dia 20 de cada mês. E por conta da paralisação, a cidade de Campo Grande viveu um caos sem ônibus circula.



Campo Grande: Consórcio Guaicurus paga vale nesta terça-feira - revistadoonibus

Operação custaria R$ 5 milhões menais para manter a tarifa em R$ 4,40

Para atender a operação municipal de Campo Grande, o Consórcio Guaicurus, solicitou a Prefeitura o repasse mensal no valor de R$ 5 milhões, como forma de evitar o reajuste no valor da tarifa dos ônibus que atualmente é R$ 4,40.

A reunião que foi agendada para às 14h desta última segunda-feira (27), foi cancelada pelo governo municipal e uma nova reunião ainda não foi agendada.

Prefeito de Campo Grande descarta reajusta na tarifa dos ônibus - revistadoonibus

Atualmente, o Consórcio Guaicurus segue recebendo o repasse mensal do governo municipal de R$ 1 milhões. Além disso, no início deste ano, houve o “perdão” de R$ 2,7 mlhões que é referente ao Imposto Sobre Serviço – ISS.

A Prefeitura de Campo Grande informou que conseguiu a aprovação de um aporte no valor de R$ 12 milhões destinados ao transporte municipal, valores que foram deduzidos como forma de manter o custo da taifa e das gratuidades de alunos e de idosos.

Campo Grande: Consórcio Guaicurus paga vale nesta terça-feira - revistadoonibus

Contrato com Consórcio Guaicurus pode ser anulado

A audiência de instrução e julgamento marcada para esta terça-feira (28), e que será presidida pelo juiz Ariovaldo Nantes Corrêa, da 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, poderá por fim ao processo de investigação do Ministério Público de Mato Grosso do Sul – MPMS que foi iniciado no ano de 2019, que chegou ao poder judiciário como Ação Civil Pública em setembro de 2020.

Acredita-se que ainda nesta terça-feira (28), uma reunião entre a Prefeitura de Campo Grande e representantes do Consórcio Guaicurus possa ocorrer. Desde 2012, o grupo de empresas explora o transporte coletivo da Capital com estimativa de faturar até R$ 3,4 bilhões até 2032, último ano de vigência da concessão.

Com informações do Consórcio Guaicurus, Ministério Público de Mato Grosso do Sul e Prefeitura de Campo Grande