Cascavel: Dono reencontra cachorro após ter sido impedido de embarcar em ônibus da Pluma

Cascavel: Dono reencontra cachorro após ter sido impedido de embarcar em ônibus da Pluma

29 de maio de 2022 Off Por Redação Revista do Ônibus

CASCAVEL – Depois de embarcar na cidade de Cascavel para o Espírito Santo, sem seu cachorro Thor, por ter sido impedido de levar seu animal em um ônibus da Viação Pluma que fazia a linha Foz do Iguaçu x Rio, Claudeir Costa dos Santos, finalmente encontrou com seu cão neste domingo (29), na rodoviária de Cascavel.

Cascavel: Dono reencontra cachorro após ter sido impedido de embarcar em ônibus da Pluma - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

O homem que reside no Estado do Espírito Santo, viajou até o Paraná em fevereiro último na tentativa de conseguir um emprego, como não teve resultado em sua busca, ele decidiu retornar ao estado de origem levando seu cachorro Thor, porém, a Viação Pluma se recusou levar o animar alegando na época que o animal era muito pesado.

Claudeir conseguiu a passagem dele e de seu animal com a ajuda do Centro POP de Cascavel e mesmo com tudo certo para embarcar, se viu impedido de levar seu cachorro e ter que deixá-lo na cidade do interior do Paraná. Thor seu cão, acabou sendo encaminhado para um abrigo.



Cascavel: Dono reencontra cachorro após ter sido impedido de embarcar em ônibus da Pluma - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

Neste mês de maio, a Justiça determinou que a empresa de ônibus Pluma pagasse a passagem de ida e de volta para que Claudeir Costa dos Santos, que é dono do cachorro Thor, possa buscar ele em Cascavel , no oeste do Paraná.

Na decisão expedida na sexta-feira (6) a Justiça determinou que empresa seja intimada pessoalmente e que cumprisse o determinado – passagem e hospedagem de ida e volta para o homem e o cachorro – em 24 horas.

Cascavel: Dono reencontra cachorro após ter sido impedido de embarcar em ônibus da Pluma - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

Em caso de descumprimento, a empresa seria impedida de emitir passagens, através do acionamento da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT, em todo território nacional. A decisão ainda prevê pagamento de multa diária de R$ 5 mil.

Acredita-se que nesta segunda-feira o passageiro e seu cão possa embarcar, após a decisão judicial.

Em uma entrevista à RPCTV, no mês de abril deste ano, a advogada da empresa de ônibus relatou que a empresa teria dito que Thor ficaria com um funcionário da companhia até a situação se resolver. Porém, segundo ela, o cachorro ficou solto e se perdeu, como informou a emissora no dia 10 de maio.

No estado do Espírito Santo, Claudeir soube que o cão estava perdido e começou a procurar pelo animal, acionando a ONG Sou Amigo, onde a advogada Evelyne Paludo, trabalha. Thor foi encontrado há cerca de duas quadras da rodoviária.

Ainda no mês de abril passado, a Vara de Direito do Consumidor definiu que “não existe qualquer indicação de limitação de peso ou tamanho da caixa de transporte que impedisse o embarque do animal Thor”.

Cascavel: Dono reencontra cachorro após ter sido impedido de embarcar em ônibus da Pluma - revistadoonibus

Viação Pluma se manifesta

A defesa da empresa de transportes Viação Pluma Internacional, a advogada Danielle Deda, informou que a empresa deixou claro que transportava cachorros de até 7 quilos com caixa de transporte e que mesmo sabendo disso, o tutor comprou a passagem.

Com relação ao pedido da Justiça, a defesa informou que buscou cumprir o pedido liminar, mas estava com dificuldade porque não faz o trecho SP – Vitória ES e que não há empresas que façam o transporte de cachorro de grande porte nesse trajeto.

A Viação Pluma informou ainda que medidas cabíveis serão tomadas por danos gerados à imagem da empresa.

Com informações da RPCTV