Rio Branco: MP requisita informações da RBTrans sobre ônibus vindos do RJ

Rio Branco: MP requisita informações da RBTrans sobre ônibus vindos do RJ

25 de janeiro de 2022 Off Por Redação Revista do Ônibus

RIO BRANCO – O Ministério Público do Estado do Acre – MPAC, informou nesta última segunda-feira (24), por meio da Promotoria de Justiça Especializada de Defesa do Consumidor, que requisitou informações à Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito – RBTrans, com o objetivo de instruir procedimento administrativo instaurado para averiguar a crise do transporte coletivo da capital.

Rio Branco: MP requisita informações da RBTrans sobre ônibus vindos do RJ - revistadoonibus

Endereçado ao superintendente da autarquia, Anízio Cláudio de Oliveira Alcântara, o instrumento é subscrito pela promotora de Justiça Alessandra Garcia Marques, que deu o prazo de 10 dias para que as informações sejam remetidas ao órgão ministerial.

A promotora quer tomar conhecimento das regionais e bairros atendidos pelo transporte público, a quantidade de ônibus em circulação nesses locais, tempo aproximado de espera de cada linha e o número de passageiros registrado nos últimos anos.


Rio Branco: MP requisita informações da RBTrans sobre ônibus vindos do RJ - revistadoonibus

Requisitaram-se, ainda, informações sobre a origem dos ônibus trazidos para amenizar a crise na cidade, com apresentação dos certificados de registro e licenciamento de veículo – CRLV, bem como documentos que comprovem a legalidade da empresa concessionária que os adquiriu para prestar o serviço e se houve licitação.

A cidade de Rio Branco passou receber na tarde desta última quinta-feira (20), os primeiros oito ônibus urbanos da Viação Rico Transportes, do modelo NeoBus Mega Plus, equipados com chassi Mercedes-Benz OF-1721, que operavam linhas municipais do Rio de Janeiro. A empresa carioca fez uma compra de um grande lote no ano de 2016.



Os veículos que são equipados com ar-condicionado, já estão sem o nome da antiga empresa Viação Nossa Senhora da Graça, que vem se desfazendo dos modelos em sua frota, adotando uma nova carroceria de ônibus, prática comum entre os empresários que operam o transportes no Estado do Rio de Janeiro.

Acredita-se que nos próximos dias, a Viação Rico Transportes, que foi contratada pela Prefeitura de Rio Branco, para assumir as linhas municipais que foram abandonadas pela Auto Viação Floresta, possa iniciar a sua operação.



Com informações do Ministério Público do Acre