GO: Ônibus da Real Expresso é retirado do córrego na margem da BR-153

APARECIDA DE GOIÂNIA – O ônibus rodoviário da Real Expresso, modelo Paradiso G7 1800 DD, equipado com chassi Mercedes-Benz, que acabou saindo da rodovia BR-153 na altura do km 508 e caiu em um córrego por volta de 1h30 da madrugada desta sexta-feira (24), deixando cinco mortos e 41 pessoas feridas, na altura do município de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital Goiânia, acabou sendo retirado do local do acidente nesta manhã.

GO: Ônibus da Real Expresso é retirado do córrego na margem da BR-153 - revistadoonibus
Foto: Reprodução de TV

.

De acordo com a delegada Adriana Fernandes, da Delegacia de Investigação de Crimes de Trânsito – Dict de Goiânia, apesar do acidente ter acontecido em outra cidade, a equipe da capital é que vai apurar o caso devido à complexidade e o grande número de vítimas. De acordo com ela, existe a suspeita de que o ônibus tenha perdido o freio.

“Os policiais estão onde aconteceu o acidente periciando o local e há também agentes nos hospitais qualificando as vítimas, que são várias. Tem a suspeita de que o ônibus possa ter perdido o freio, mas tudo isso ainda será apurado”, afirmou, como mostrou a TV Anhanguera.

A delegada informou ainda que o coletivo passou por uma perícia no local do acidente e que o mesmo foi retirado e será encaminhado para o pátio da Polícia Rodoviária Federal.



GO: Ônibus cai em ribanceira deixando 5 mortos e dezenas de feridos na BR-153 - revistadoonibus
Foto: Corpo de Bombeiros de Goiás – Divuilgação

.

A Concessionária Triunfo Concebra que administra o trecho BR-153, o acidente ocorreu por volta das 2h da madrugada desta sexta-feira (24), na região onde há um desvio por conta de uma cratera que se abriu na rodovia. O acidente deixou 41 pessoas feridas e 5 mortas.

A Polícia Rodoviária Federal informou que o ônibus saiu de São Paulo, capital, e seguia para Brasília. Chovia no momento do acidente. O trânsito ainda segue interditado.

GO: Ônibus da Real Expresso é retirado do córrego na margem da BR-153 - revistadoonibus

Real Expresso se manifesta sobre o acidente

Em nota, a empresa de turismo Real Expresso lamentou o ocorrido, informou que está acompanhando o atendimento médico e hospitalar às vítimas e que as causas do acidente serão apuradas em procedimento interno da empresa como também pelas investigações oficiais.

.

Com informações do Corpo de Bombeiros de Goiás, Metróples,  Polícia Rodoviária Federal e TV Anhanguera



%d blogueiros gostam disto: