Últimas:
Rio: Justiça suspende a paralisação de Rodoviários nesta segunda-feira

RIO – Uma decisão da Justiça do Trabalho, suspendeu a paralisação dos rodoviários que estava prevista para ocorrer a partir de zero hora desta segunda-feira (29). A liminar do desembargador Álvaro Luiz Carvalho Moreira, foi solicitada pelos empresários do transporte municipal.

Rio: Justiça suspende a paralisação de Rodoviários nesta segunda-feira - revistadoonibus

O sindicato dos rodoviários do Rio de Janeiro, informou que decidiu suspender a paralisação, durante uma assembleia que ocorreu nesta último domingo. O não cumprimento da decisão judicial, implicará em multa diária no valor de R$ 100 mil.

“Assim, determino que o réu seja intimado, com urgência, por oficial de justiça, para se abster de promover a paralisação da categoria na data de 29/11/2021, haja vista a ilegalidade de tal movimento em virtude da inobservância à lei, bem como se abstenha de realizar tal paralisação sem a comunicação prévia mínima de 72 horas de antecedência após eventual deliberação da categoria em tal sentido”, afirmou um trecho da decisão.

A entidade sindical, informou que os rodoviários seguem em estado de greve e que seu corpo jurídico estará recorrendo da decisão judicial.

Rio: Justiça suspende a paralisação de Rodoviários nesta segunda-feira - revistadoonibus

Os rodoviários afirmam que ficaram dois anos sem receber reajustes de salário. Segundo eles, chegaram a dialogar com as empresas e houve uma promessa de reajuste, que não foi cumprida.

Os donos das empresas afirmam que sofreram uma série de reveses ao longo da pandemia, como a redução de passageiros e outros motivos que causaram a redução nos lucros.

Passageiros também reclamam das condições dos veículos e da redução do número de ônibus nas ruas, onde através das principais redes sociais e também em grupos de mensagens por aplicativo, mostra a triste realidade do transporte municipal.

A circulação dos ônibus municipais convencionais e dos veículos articulados do BRT, seguem circulando normalmente.

Com informações da Band News FM e Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro

%d blogueiros gostam disto: