Últimas:
Manaus amanhece com paradas lotadas após paralisação de rodoviários

MANAUS – Moradores de Manaus, amanheceram sem ônibus nesta quinta-feira (14), após uma paralisação de rodoviários de forma surpresa e temporária. Os rodoviários reivindicam com a paralisação, o pagamento de salários e benefícios que segundo eles, estão atrasados. Desde as primeiras horas da manhã, os ônibus seguiam parados. A circulação voltou ao normal por volta das 6h, apresentando atrasados em algumas linhas municipais.

Manaus amanhece com paradas lotadas após paralisação de rodoviários - revistadoonibus

De 6h às 6h30, a cena mais comum em boa parte da cidade de Manaus, era pontos de ônibus e terminal lotados de passageiros, gerando com isso grande aglomerações de pessoas, aumentando o risco de transmissão pela Covid-19. Em um ponto de ônibus na Avenida André Araújo, os passageiros aguardam pelos ônibus indignados.

O Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Amazonas – Sinetram informou que não foi notificado e desconhece os motivos da paralisação ocorrida entre 04h e 5h30min em pelo menos quatro empresas. O órgão informou que a operação dos veículos já está normalizada.

A paralisação temporária foi apoiada por colaboradores das empresas Via Verde, São Pedro, Global GNZ e Expresso Coroado. 

Manaus amanhece com paradas lotadas após paralisação de rodoviários - revistadoonibus

Por outro lado, o Sindicato dos Rodoviários informou que a paralisação foi ocasionada pela falta de pagamento do FGTS, por parte das empresas aos funcionários, além de um atraso de 48 dias do ticket alimentação. Para a categoria, o Sinetram deu o prazo para pagamento deste item nesta quinta-feira (14).

Com informações do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Amazonas – Sinetram e Sindicato dos Rodoviários de Manaus

%d blogueiros gostam disto: