Últimas:
Rodoviários aprovam indicativo de greve em Curitiba e Região Metropolitana

CURITIBA – Os funcionários das empresas Auto Viação São José dos Pinhais, CCD Transportes Coletivos e Viação Tamandaré, realizaram na manhã desta sexta-feira (8), um protesto pelo não pagamento correto dos salários, atrasando a saída dos ônibus em cerca de 50 minutos, prejudicando os moradores que precisavam se deslocar nos ônibus das regiões Leste e Sul de Curitiba.

Nesta manhã, os rodoviários aprovaram o indicativo para greve, como informou o Sindicato de Motoristas e Cobradores de Curitiba e Região – Sindimoc. Os ônibus voltaram circular normalmente.

De acordo com o diretor do Sindimoc, Ricardo Ribeiro, CDC e São José pagaram 50% dos salários, enquanto a Tamandaré Filial não depositou nada até a manhã desta sexta-feira.

“Os funcionários se reuniram e aprovaram o indicativo de greve. Com isso, se o pagamento não for realizado, os trabalhadores destas empresas vão parar após 72 horas (três dias). É um problema recorrente e que aconteceu já neste ano nesta mesmas empresas, que são de responsabilidade de um mesmo grupo”

Rodoviários aprovam indicativo de greve em Curitiba e Região Metropolitana - revistadoonibus

O diretor do Sindimoc lamentou o atraso na saída dos coletivos, mas afirmou que o movimento se fez necessário.

“A única forma dos trabalhadores se reunirem é assim, porque é o momento em que todos estão concentrados. Então, isso atrasou a saída de ônibus nos bairros Boqueirão, Hauer, Cajuru, entre outros. No momento, os coletivos estão funcionando e logo deve normalizar o sistema”

O Sindicato das Empresas de ônibus de Curitiba e Região Metropolitana – Setransp, ainda não se manifestou sobre o assunto, até a publicação desta reportagem.

Com informações do portal Banda B e Sindicato de Motoristas e Cobradores de Curitiba e Região – Sindimoc


%d blogueiros gostam disto: