Últimas:
RJ: FAOL sinaliza que não deixará a operação de Nova Friburgo. Entenda a situação

NOVA FRIBURGO – A situação do transporte municipal de Nova Friburgo ganhou mais um novo capítulo nesta última terça-feira (3), quando a direção da Empresa de ônibus Nova Faol, divulgou um comunicado que teria protocolado junto a Prefeitura de Nova Friburgo, um requerimento de retratação da entrega da operação municipal, divulgado no início do mês de abril, como divulgamos aqui.

RJ: FAOL sinaliza que não deixará a operação de Nova Friburgo. Entenda a situação - revistadoonibus

Ao que tudo indica, as negociações entre a direção da Nova Faol e a Viação Itapemirim que deve assumir a operação municipal de Nova Friburgo nos próximos meses pode não ter avançado, chamando a atenção de moradores e de pesquisadores em transportes.

Em nota, a empresa Friburgo Auto Ônibus, também conhecida como Viação Faol, informou que teria entregado o serviço após um desequilíbrio financeiro, ocasionado pela pandemia da Covid-19, que causou isolamento social registrando grande queda no número de passageiros transportados na cidade. “Tais considerações técnicas e financeiras foram amplamente apresentadas e reiteradas à 3 Vara Cível de Nova Friburgo, em 25 de maio”, diz a nota.

RJ: FAOL sinaliza que não deixará a operação de Nova Friburgo. Entenda a situação - revistadoonibus

A direção da empresa informou que segue disposta a manter a operação municipal do transporte público de passageiros por tempo que for necessário, independente do desfecho da contratação emergencial que foi feita pela Prefeitura de Nova Friburgo, que assinou contrato com a Viação Itapemirim. Tal contrato segue inclusive, sendo alvo de investigação de possíveis irregularidades na CPI do Transportes instaurada pela Câmara Municipal de Nova Friburgo.

Ainda segundo a nota da empresa FAOL, a direção da empresa pretende continuar operando mesmo depois do prazo determinado pela liminar da Justiça que a obriga a prestar o serviço de transporte público até o próximo dia 24 de agosto (60 dias contados a partir de 25 de junho), que podem ser prorrogáveis por mais 30 dias.

RJ: FAOL sinaliza que não deixará a operação de Nova Friburgo. Entenda a situação - revistadoonibus

Prefeitura de Nova Friburgo se maninfesta

A Prefeitura de Nova Friburgo, na região Serrana do Rio de Janeiro, informou que recebeu o pedido de retratação da Nova Faol e que estará analisando o documento nos próximos dias.

A administração municipal, informou ainda que apesar do pedido da Nova Faol, a cidade segue com um contrato assinado com a Viação Itapemirim e que o processo de transição já se encontra em andamento no município, não sendo necessária neste momento, qualquer tipo de manifestação a neste momento a respeito das intenções da atual prestadora do serviço. 

Grupo Itapemirim informa que assumirá em breve o transporte urbano em Nova Friburgo/RJ - Câmara Municipal de Nova Friburgo - revistadoonibus
Foto: Divulgação

CPI dos Transportes de movimento nesta quarta-feira

A Câmara Municipal de Nova Friburgo, informou que os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI, também conhecida como a CPI do Transporte, estarão se reunindo nesta quarta-feira (4), momentos antes das 18h, horário que inicia a sessão ordinária, para que deseja definido as funções de cada vereador na CPI.

O pedido de instalação da CPI foi feito pelos vereadores Priscila Pitta – Cidadania e Maycon Queiroz – PSC, e apoiado pelos vereadores Ângelo  Gaguinho, Carlinhos Do Kiko, Christiano Huguenin, Isaque  Demani, Vanderléia Abrace Essa Ideia e Joelson Do Pote. .

Os vereadores têm 120 dias para investigar, convocar depoentes e analisar toda a documentação do contrato emergencial da prefeitura com a empresa de ônibus Itapemirim. No final desse prazo, um relatório final deve ser apresentado. De acordo com informações da assessoria da Câmara, a empresa Itapemirim Group não é impedida de assumir o serviço enquanto transcorre a CPI.

Com informações do A Voz da Serra, Câmara Municipal de Nova Friburgo e Prefeitura de Nova Friburgo

%d blogueiros gostam disto: