Últimas:
SP: Termina a greve de rodoviários de Presidente Prudente, após 40 dias

PRESIDENTE PRUDENTE – Foi encerrada na manhã desta segunda-feira (26), a paralisação dos funcionários da Prudente Urbano, empresa que opera as linhas municipais de ônibus de Presidente Prudente, que durou 40 dias, motivada pelo atraso nos pagamentos de salários e benefícios, como informou o diretor do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Terrestre de Presidente Prudente e Região – Sintrattepp, Ozanir Gomes. Ao menos 41 ônibus devem circular durante todos os períodos.

SP: Termina a greve de rodoviários de Presidente Prudente, após 40 dias - revistadoonibus

“A greve se encerrou. A gente resolveu dar um voto de confiança para o prefeito [Ed Thomas, PSB] porque ele disse que vai pagar sexta-feira [30]. Só existe a possibilidade de voltar novamente se ele não cumprir com a palavra dele, o que eu acho que não vai acontecer”, afirmou.

O prefeito e representantes da empresa Prudente Urbano, se reuniram na garagem da empresa na última sexta-feira (23), após o anúncio da intervenção da empresa de ônibus, feita pela administração municipal.

Os funcionários forma informados sobre a situação da empresa. A retomada da operação segue com 50% dos ônibus circulando em horário de pico e 35% nos demais períodos.

A greve teve início no dia 16 de junho. Foi a quarta paralisação somente este ano e a mais longa desde quando a Prudente Urbano assumiu o serviço no município, em 2018.

SP: Termina a greve de rodoviários de Presidente Prudente, após 40 dias - revistadoonibus

Prefeitura promete pagamentos no dia 30 de julho

A Prefeitura de Presidente Prudente, informou nesta última sexta-feira (23), que o pagamento dos salários e demais benefícios, serão pagos no próximo dia 30 de julho. Ainda segundo a administração municipal, o valor de R$ 410 mil será paga no final do mês.

Segundo a Prefeitura, os pagamentos serão honrados por meio de uma antecipação dos valores a serem arrecadados com o próprio serviço, que agora está normal.

Vale lembrar que para o pagamento ser feito, a Câmara Municipal de Presidente Prudente, precisa aprovar o projeto de lei que foi encaminhado pelo governo municipal. Segundo o presidente da casa de leis, Demerson Dias (PSB), que compareceu à reunião, assim que o texto for encaminhado ao Poder Legislativo, será submetido à avaliação das comissões competentes para posterior votação no Plenário.

SP: Termina a greve de rodoviários de Presidente Prudente, após 40 dias - revistadoonibus

Sobre a intervenção na empresa de ônibus

Por volta das 7h desta última sexta-feira (23), a Prefeitura de Presidente Prudente decretou intervenção parcial no transporte público da cidade. O decreto nº 32.216/2021 foi publicado no Diário Oficial Eletrônico (DOE) do município. A medida leva em consideração que o serviço é essencial à população e também já era prevista no contrato de concessão com a empresa Prudente Urbano. O prefeito Ed Thomas (PSB) e representantes da concessionária Company-Tur Transportes e Turismo Ltda., razão social da Prudente Urbano, realizaram uma reunião a portas fechadas pela manhã na sede da empresa.

Os funcionários da Prudente Urbano estão em greve desde 16 de junho devido a atrasos em pagamentos salariais. A paralisação era parcial, mas com a situação considerada “insustentável”, nesta quinta-feira (22), os trabalhadores do transporte coletivo urbano retomaram a greve total.

Trabalhadores do transporte coletivo urbano de Presidente Prudente retornaram às atividades, depois de 38 dias de greve. Os ônibus começaram a deixar a garagem por volta das 9h10 desta sexta-feira, após uma reunião entre o prefeito e representantes da concessionária.

Com informações da Prefeitura de Presidente Prudente e TV Fronteira

%d blogueiros gostam disto: