Últimas:
Riocard afirma que propostas da licitação da bilhetagem já são realidade no transporte do Rio

RIO – A Riocard esclarece que as propostas apresentadas pela Prefeitura do Rio de Janeiro, através da Secretaria Municipal de Transportes – SMTR para a licitação do sistema de bilhetagem eletrônica já são realidade para os clientes que utilizam o transporte público na cidade do Rio. Diferentemente do que foi exposto, a Riocard mantém um fluxo transparente de informações sobre a operação das empresas de transporte, que são enviadas diariamente para análise da Prefeitura. Com esses dados, o governo municipal tem todas as condições de planejar a mobilidade da cidade do Rio. 

Riocard afirma que propostas da licitação da bilhetagem já são realidade no transporte do Rio - revistadoonibus

A Riocard também foi surpreendida pelo desconhecimento da SMTR sobre as regras vigentes em relação aos créditos de transportes não utilizados pelos passageiros. Por decisão judicial, desde maio de 2019, o saldo remanescente permanece com os usuários e não se deve falar na sua utilização para financiar a mobilidade urbana.

É importante lembrar que o sistema de bilhetagem eletrônica é operado de modo legítimo, transparente e eficiente pela empresa Riocard, que realiza diariamente, mesmo na pandemia, mais de quatro milhões de viagens, assegurando a qualidade da mobilidade urbana da população que utiliza o transporte público em todo o Estado. O cartão Riocard Mais é o único aceito em todos os meios de transporte, estando disponível para uso em 43 municípios, sem que haja repasse dos custos de operação aos clientes. Um modelo de operação multimodal que torna única a experiência dos passageiros no Rio de Janeiro.

Riocard afirma que propostas da licitação da bilhetagem já são realidade no transporte do Rio - revistadoonibus

Desde 2004, quando foi instituída a bilhetagem eletrônica pela Lei Estadual 4.291, a Riocard tem evoluído constantemente para o melhor atendimento dos seus clientes, desenvolvendo soluções técnicas inovadoras e alinhadas às novas tendências de pagamento eletrônico. Nos últimos 17 anos, a empresa vem demonstrando extrema competência na implantação e no gerenciamento da bilhetagem eletrônica, criando um sistema com a participação de todos os concessionários e permissionários de transporte.

De lá para cá, a Riocard se tornou cada vez mais relevante para o desenvolvimento da mobilidade urbana. Pelo menos 60% das viagens em transporte público são realizadas diariamente com o cartão Riocard Mais. Os avanços na forma de pagamento foram significativos.  É possível utilizar o próprio celular para comprar e validar créditos de transporte com o Cartão Digital. Ou fazer recargas com cartões de débito e crédito ou via Pix. Ou mesmo optar por chaveiros e pulseiras como dispositivos de pagamento. Em caso de dúvidas, basta falar com o Tomais, o assistente virtual da Riocard Mais, que atende também por Whatsapp. Se estiver em deslocamento, pode utilizar um dos 500 equipamentos de recarga instalados no transporte público, um dos 920 pontos de recarga em bancas de jornal, farmácias, supermercados e comércio em geral ou procurar uma das 23 lojas em todo o Estado. 

Riocard afirma que propostas da licitação da bilhetagem já são realidade no transporte do Rio - revistadoonibus

De acordo com a empresa, o cartão Riocard Mais é o único que permite a adoção de políticas públicas associadas à tarifa de transporte, como o Bilhete Único Intermunicipal, que beneficia mais de um milhão de passageiros. 

Com informações do Rio Card Mais

%d blogueiros gostam disto: