Últimas:
Maringá: Hemocentro recebe moderna unidade móvel para coleta de sangue

MARINGÁ – O Hospital Universitário Regional de Maringá – HUM, divulgou nesta última segunda-feira (19), imagens do novo ônibus Comil Invictus DD 6×2, que estará a disposição do Hemocentro Regional de Maringá, serviço de hemoterapia do Hospital Universitário Regional de Maringá – HUM. O coletivo foi adaptado para funcionar como uma unidade móvel de coleta de sangue e cadastro de doadores de medula óssea. O novo ônibus conta com modernos sistemas de atendimento, com 4 poltronas e tem capacidade de realizar até 3000 doações por mês. Além disso, também está adaptado para portadores de necessidades especiais.

Maringá: Hemocentro recebe moderna unidade móvel para coleta de sangue - revistadoonibus
Foto: Divulgação

A unidade vai auxiliar significativamente na manutenção dos estoques de sangue, pois essas coletas descentralizam o atendimento, facilitando a efetivação da doação para aqueles que têm dificuldade de deslocamento até a unidade central e inclusive promovendo a fidelização do doador. Desde 2001 o Hemocentro realiza coletas com uma unidade móvel adaptada. Até o ano passado foram realizadas 1061 coletas externas, e coletadas milhares de bolsas de sangue.

Para a aquisição deste novo ônibus, em meados de 2017, com auxílio do Rotary Club de Maringá, a diretoria do Hemocentro desenvolveu um projeto para captar recursos financeiros, e o repasse foi aprovado por meio de um termo de convênio assinado pelo deputado Ricardo Barros que na época ocupava a posição de Ministro da Saúde. “O veículo dá a oportunidade para aqueles que querem ser doadores. Também será uma grande ferramenta para assegurar a manutenção dos estoques de sangue. A unidade era uma antiga reivindicação da área da hemoterapia e, com certeza, ajudará a salvar muitas vidas”, destaca Barros.

O novo veículo foi projetado por uma empresa especializada e conta com os mais modernos recursos, equipamentos, mobiliário personalizado, construídos seguindo critérios funcionais de ergonomia e garantindo uma operação inteligente e funcional. Além do cumprimento das normas legais, no ônibus foi instalado um Sistema de Combate Ativo de Microorganismos no ar nas Superfícies que elimina 99,99% das Bactérias e o Covid-19 presentes no ar. A previsão é que comece a funcionar nos próximos meses assim que todos os processos e sistemas  forem validados pela equipe técnica-operacional.

Segundo a diretora do Hemocentro, Márcia Regina Momesso, as coletas serão realizadas dentro da área de abrangência que atualmente compreende os municípios da 15ª Regional de Saúde. “Há anos o Hemocentro vem pleiteando uma unidade, com novo chassi, carroceria e equipamentos modernos propiciando à equipe e aos doadores de sangue maior conforto e segurança”, ressalta.

Márcia ainda destaca que com toda a estrutura que a unidade dispõe será possível realizar um serviço de qualidade como a população merece e fazer o deslocamento da equipe para alguns municípios mais distantes promovendo a doação de sangue a comunidades que não teriam acesso a esses serviços. “Agradecemos a todos aqueles que de forma direta ou indireta se envolveram para concretizar o projeto. A iniciativa vai nos auxiliar na manutenção dos estoques e contribuir para salvar vidas, ampliar o número de doadores habituais e inserir no cotidiano da comunidade reflexões sobre conceitos de saúde e responsabilidade social”. 

A nova unidade móvel de coleta do Hemocentro de Maringá é única do Paraná e provavelmente do Brasil, em termos de adequações,  inovações e estrutura.

Com informações do Hospital Universitário Regional de Maringá – HUM

%d blogueiros gostam disto: