Últimas:
Prefeitura do Rio deve renovar frota do BRT com 500 novos ônibus até 2022

RIO – Em meio a crise que atinge o transporte público municipal no município do Rio, onde diversas empresas de ônibus fecharam as portas e outras anunciaram o processo de recuperação judicial, a Prefeitura do Rio sinaliza que pretende renovar a frota do BRT da cidade com 500 novos ônibus, como informou a secretária municipal de Transportes, Maína Celidonio, em entrevista ao jornal O Dia.

Prefeitura do Rio deve renovar frota do BRT com 500 novos ônibus até 2022 - revistadoonibus

O serviço do BRT Rio que foi criado na gestão de Eduardo Paes, antes de deixar o governo municipal, parece que seguirá apresentando melhorias nesta nova gestão, já que o projeto para melhoria do sistema de BRT da cidade, vem avançando bastante, em relação as intensas reclamações dos passageiros da cidade.

A administração municipal afirma que até o mês de setembro, quando acaba a intervenção no BRT Rio, espera realizar a reforma em várias estações, substituindo com isso as portas de vidro, por portas de aço, como fez recentemente com a entrega na estação Olaria do BRT.

Prefeitura do Rio deve renovar frota do BRT com 500 novos ônibus até 2022 - revistadoonibus

A compra dos novos ônibus estaria ainda em processo de análise, por isso, ainda não detalhes dos modelos dos novos coletivos articulados e nem sua motorização, já que a prefeitura fará lotes de compras para atender os corredores TransOeste, Transcarioca e TransBrasil, este último que possui previsão para ser entregue até julho de 2023.

A Prefeitura segue criando estudo para a licitação para todos os corredores, onde segundo a administração municipal, haverá a escolha de um único operador para cada corredor, afim de que o município possa rescindir o contrato caso a empresa não venha atender os passageiros com qualidade na prestação do serviço.

BRT Rio anuncia mudanças operacionais no corredor Transoeste a partir de segunda-feira - revistadoonibus

As atuais empresas de ônibus que hoje operam o serviço do BRT RIO desde o ano de 2010, ficarão de fora, após o processo de licitação, aumentando com isso, a esperança por um serviço de qualidade.

Com informações da Prefeitura do Rio e O Dia

%d blogueiros gostam disto: