Últimas:
Presidente Prudente: Greve do transporte chega ao 14º dia

PRESIDENTE PRUDENTE – Os moradores de Presidente Prudente, no interior do estado de São Paulo sofrem com a greve no transporte municipal que nesta terça-feira (29), chegou ao seu 14º dia. Desde esta última segunda-feira (28), nenhum ônibus urbano roda na cidade, como informou o Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Terrestre de Presidente Prudente e Região – Sintrattepp.

Presidente Prudente: Greve do transporte chega ao 14º dia - revistadoonibus

Ainda segundo o Sintrattepp, a paralisação total das atividade do transporte na cidade, é devido ao vencimento do prazo de 30 dias para que a empresa Prudente Urbano, pudesse regularizar todas as pendências de pagamentos que ainda seguem atrasados.

A categoria afirma que o adiantamento do vale que deveria ser pago todo dia 20, assim como o pagamento do vale-alimentação e dos salários de vários funcionários da empresa, referente ao mês de maio, ainda não foram depositados.

Presidente Prudente: Greve do transporte chega ao 14º dia - revistadoonibus

Este ano de 2021, os funcionários da empresa Prudente Urbano, já realizaram quatro paralisações das atividades na cidade. Esta última greve do transporte teve início no dia 16 de junho, ocasionando dois dias de atrasado na saída dos ônibus da garagem.

Em meio a crise do transporte, os moradores que dependem do ônibus para se locomover nos bairros da cidade, reclamam do impasse entre a empresa e a prefeitura da cidade.

Prazo de 24 horas

Presidente Prudente: Greve do transporte chega ao 14º dia - revistadoonibus

Uma reunião emergencial na tarde desta última segunda-feira (28), no gabinete da Prefeitura de Presidente Prudente, definiu um prazo de 24 goras para que a empresa Prudente Urbano pudesse apresentar uma planilha sobre a sua situação financeira.

“A Prefeitura acordou um prazo de 24 horas para que seja apresentada uma planilha com todos os custos operacionais, que incluem gastos com funcionários, combustível e manutenção. A análise desses dados será fundamental para que as decisões sejam tomadas”, informou o Poder Executivo.

Presidente Prudente: Greve do transporte chega ao 14º dia - revistadoonibus

“Atualmente, as planilhas apresentadas pela empresa incluem gastos com financiamento dos veículos adquiridos, o que deve ser custeado com recursos da empresa, sem considerar a receita da bilhetagem”, explicou o secretário municipal de Mobilidade Urbana e Cooperação em Segurança Pública Luiz Edson de Souza.

Apesar do prazo dado pelo governo municipal, a direção da empresa Prudente Urbano, não apresentou a planilha de custos, como informou Luiz Edson.

A administração informou que a Secretaria de Mobilidade Urbana, estará mantendo as vans em circulação na cidade por ao menos 20 dias. Ao todo, até o momento são 18 veículos cadastrados, entre vans, micro-ônibus e ônibus, com atendimento a 13 percursos, ou seja, 30% das linhas oferecidas pela empresa.

A Viação Prudente Urbano ainda não se manifestou sobre a situação, até a publicação desta reportagem.

Com informações da Prefeitura de Presidente Prudente e TV Fronteira

%d blogueiros gostam disto: