SP: Chega ao fim a paralisação de rodoviários da Terra Auto Viação em Paulínia

SP: Chega ao fim a paralisação de rodoviários da Terra Auto Viação em Paulínia

29 de abril de 2021 0 Por Redação Revista do Ônibus

PAULÍNIA – Terminou no início da noite a paralisação dos funcionários da Terra Auto Viação. A categoria estava desde a última quarta-feira (28), de braços cruzados, quando  ao menos 50 ônibus acabaram ficando parados na rodoviária de Paulínia na data de ontem, prejudicando milhares de passageiros que dependem do ônibus para se locomover entre os bairros. A categoria segue reivindicando garantias trabalhistas. Os rodoviários pediam que os cobradores sejam incluídos na nova licitação do transporte público. A informação é da Prefeitura de Paulínia.

Na última segunda-feira (26), três empresários do setor de transporte entregaram documentos para participar do processo que irá definir a nova empresa que estará atuando no município.

O Sindicato doso rodoviários afirma que cerca de 100 funcionários podem acabar perdendo o emprego, caso os cobradores não sejam incluídos na nova licitação do transporte municipal.

O grupo também cobra seis meses de estabilidade a partir do novo contrato com a empresa que vai operar o serviço e pendências com a atual concessionária, chamada Terra.

Nilton de Maria, um dos representantes dos trabalhadores, informou que, na semana que vem, será feita uma formalização da garantia de emprego aos cobradores, que podem ser realocados de função.

Além disso, as demais cobranças, como a de garantir estabilidade de seis meses após o novo contrato, também foram aceitas, segundo o representante.

Prefeitura de manifesta

O governo municipal informou em nota que a paralisação foi “realizada de forma ilegal” pelos funcionários da empresa responsável pelo transporte municipal foi encerrada e que a operação será normalizada nas próximas horas, com o retorno da circulação dos ônibus.

Sobre o acordo e as pautas apresentadas pela categoria, a prefeitura afirma que a única que cabia a ela era a reivindicação para incluir os cobradores na nova licitação, o que não é mais possível porque o trâmite já está em andamento.

Já as demais pautas, a prefeitura afirma que são direcionadas à atual concessionária do transporte, chamada Terra Auto Viação.

Em relação à formalização da manutenção do emprego aos cobradores, a prefeitura afirmou que não tem poder legal para garantir o emprego dos trabalhadores. “Ela pode solicitar a empresa que ganhar a licitação que contrate eles, mas não impor”, informou.

A Auto Viação Terra ainda não se manifestou sobre a situação, até a publicação desta reportagem.

Com informações da EPTV, Band News FM e Prefeitura de Paulínia