Últimas:
Vídeo: Motorista de ônibus é demitido após chutar passageiro em Campinas

CAMPINAS – Uma cena que jamais poderia se repetir, causou a demissão na manhã desta segunda-feira de um motorista a empresa Onicamp Transporte Coletivo. No último sábado (24), o rodoviário que não teve a sua identidade revelada, acabou agredindo com um chute, um passageiro por volta das 18h20, na Avenida João Jorge, na região central de Campinas. O ônibus da empresa fazia a linha 404 e a cena foi divulgada nas redes sociais e também em grupos de mensagens por aplicativo, e mostra o real momento da agressão.

Foto: Reprodução de Internet

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros da Região Metropolitana de Campinas – SetCamp, informou que uma sindicância interna foi aberta para que seja apurada a ocorrência. A entidade informou ainda que o funcionário da empresa de ônibus já foi desligado do quadro de funcionários.

O passageiro que embarca no ônibus, teria solicitado a informação ao motorista se o coletivo iria passar pela Avenida Lix da Cunha, quando o motorista se negou em passar a informação, e sem seguida o passageiro que foi agredido, passou questionar o motivo de que a via está na placa do veículo, quando se iniciou uma discussão.

Os passageiros que estavam no coletivo, inclusive idosos e crianças, ficaram assutados com a situação e ainda nervosos, ao verem o motorista chutar o passageiro, fechar a porta do coletivo e sair com o ônibus, sem mesmo ter prestado socorro ao cliente da empresa de ônibus. Atitude condenada por passageiros de ônibus na cidade, através das redes sociais.

“Ele perguntou se o ônibus passava na Lix da Cunha. O motorista disse que não. O passageiro tirou a plaquinha mostrando que passava. O rapaz perguntou: ‘por que você está me xingando? Eu não vou te agredir’. E aconteceu o chute”, disse a testemunha. Segundo ela, de fato o ônibus não passava pela avenida, mas a placa devia estar errada.

Atitude não é aceitada

A Prefeitura de Campinas, informou através da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas – Emdec, que “defende que a relação entre operadores e usuários seja pautada por muito respeito e diálogo” e que “os motoristas, enquanto prestadores do serviço de transporte público, devem se colocar à disposição dos usuários para toda e qualquer informação necessária, pois é uma atribuição obrigatória da função”.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros da Região Metropolitana de Campinas – SetCamp, informou que o passageiro que foi agredido, ainda não foi localizado, e que classificou o fato como “inaceitável”.

A Prefeitura de Campinas, informou que os passageiros devem fazer o registro da ocorrência em caso de desrespeito, mau atendimento ou até mesmo em caso de violência, como o que ocorreu, para que seja apurada os fato e que medidas sejam tomadas. Em caso de violência, o governo municipal, aconselha o registro de um Boletim de Ocorrência junto às autoridades policiais, também deve ser feito.

Com informações da Prefeitura de Campinas e Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros da Região Metropolitana de Campinas – SetCamp

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: