Últimas:
Europa registra vários protestos contra medidas de prevenção à Covid-19. Transportes ainda possui restrições em várias regiões

BERLIM, ESTOCOLMO E LONDRES – Este último sábado foi de protesto em diversas regiões da Europa, contra as medidas de prevenção à Covid-19, imposta por políticos. As manifestações ocorrem em Londres, no Reino Unido; em Viena, na Áustria; em Kassel, na Alemanha; em Belgrado, na Sérvia; em Bucareste, na Romênia; em Helsinque na Finlândia e em Basel, na Suécia.

 Foto: Peter Dejong/AP

Na Holanda, centenas de pessoas participaram de uma manifestação contra medidas de restrição impostas para conter a pandemia, como a imposição de um toque de recolher das 21h às 4h. Policiais chegaram a usar jatos d’água para dispersar o grupo.

Protestos do tipo têm ocorrido desde janeiro, e as medidas foram estendidas até abril. Quem desobedece as medidas está sujeito a multa de 95 euros (R$ 623).

Na capital do Reino Unido, os protesto acabaram com ao menos 13 pessoas presas pela Polícia de Londres, devido as violações das restrições contra a Covid, segundo o site de notícias BBC. Entre os ingleses, a maior motivação para os protestos seriam as restrições às manifestações pacíficas.

Enquanto isso, na em Kassel, na Alemanha, mais de 20.000 pessoas foram às ruas, como informou o portal de notícias DW. As  manifestações se tornaram violentas após um grupo tentar romper a barreira da polícia para se juntar ao restante da multidão. A ação resultou em lançamento de spray de pimenta pelos agentes.

O transporte feito por ônibus nas regiões, acabam sendo prejudicado devido as restrições impostas pelos governos desses países. Nas principais redes Sociais, a população mostra como foi a manifestação.

Com informações de Agências Internacionais

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: