Teresina: Greve de ônibus dura 21 dias na cidade e segue sem previsão de retorno

Teresina: Greve de ônibus dura 21 dias na cidade e segue sem previsão de retorno

1 de março de 2021 Off Por Redação Revista do Ônibus

TERESINA – A paralisação dos rodoviários de Teresina, completou nesta segunda-feira (1º), 21 dias, e sem previsão de retorno de 100% da frota de ônibus municipal de Teresina, já que até o momento, não houve um acordo entre os funcionários e os empresários do transporte. A categoria informou que a greve seguirá por tempo indeterminado.

Os rodoviários denunciam que as empresas de ônibus seguem demitindo uma grande parte de seus funcionários, entre motoristas e cobradores, e poderão acabar contratando novos funcionários nos próximos meses, para substituir parte do quadro de funcionários.

Alguns funcionários já estão analisando a possibilidade de pedir demissão, para que possam deixar o trabalho e tentar com isso, tentar um novo emprego, após a carteira de trabalho ser liberada.

A Prefeitura de Teresina ainda não se manifestou sobre a situação, até a publicação desta reportagem.