MG: Viçosa realiza fiscalização nos ônibus municipais

MG: Viçosa realiza fiscalização nos ônibus municipais

7 de fevereiro de 2021 Off Por Redação Revista do Ônibus

VIÇOSA – A Prefeitura de Viçosa, informou que agentes do Departamento de Fiscalização, técnicos da Vigilância Sanitária e a equipe de apoio fiscalizaram o transporte coletivo municipal, nesta sexta-feira, 5. A blitz educativa teve o objetivo de verificar o cumprimento do Decreto nº 5.464/2020.

Foto: Prefeitura de Viçosa – Divulgação

A normativa obriga a empresa responsável pelo serviço a manter recipientes com álcool em gel disponíveis para passageiros, motoristas e cobradores, além de produtos para higienização dos veículos a cada final de trajeto. O decreto municipal também limita o número de pessoas dentro do veículo e determina a utilização de máscara de proteção para todos os usuários.

Os agentes verificaram irregularidades em alguns veículos, principalmente referente a existência de passageiros em pé, o que excede a capacidade permitida pelo decreto municipal.  Segundo a fiscalização, em horário de pico é obrigatório que a empresa reforce o número de veículos para evitar tal situação.

Os fiscais também constataram que alguns motoristas não tinham equipamentos de álcool em gel para uso pessoal, nem para a higienização periódica dos veículos. A empresa e os funcionários foram orientados a se adequarem ao decreto.

Na linha Novo Silvestre/Centro (veículo nº 3034), os agentes tiveram dificuldades para fiscalizar, porque o motorista não abriu a porta do ônibus de imediato. Quando obtiveram a permissão, os fiscais constataram a falta de álcool em gel tanto para os passageiros quanto para o motorista. Os veículos nº 2975 e nº 3308, que fazem o mesmo trajeto, também estavam sem os itens básicos para a higienização interna e de passageiros. Também foi verificada falta de álcool em gel e produtos de higienização do veículo na linha Centro/Cachoeira de Santa Cruz.

Os motoristas foram orientados quanto ao procedimento e a empresa que opera o transporte coletivo na cidade será notificada pelo descumprimento das normas de combate ao novo coronavírus. A infração é passível de multa. 

Com informações da Prefeitura de Viçosa