Prefeitura do Rio restringe entrada de ônibus e vans de turismo entre os dias 12 e 22 de fevereiro

Prefeitura do Rio restringe entrada de ônibus e vans de turismo entre os dias 12 e 22 de fevereiro

5 de fevereiro de 2021 Off Por Redação Revista do Ônibus

RIO – A cidade maravilhosa que é conhecida pela grande festa de carnaval promovida na Marquês de Sapucaí, com os tradicionais desfiles de escola de samba e com os famosos blocos de rua que chegam atrair mais de 2,5 milhões de foliões por bloco, segue com restrições no transporte.

O prefeito do Rio, Eduardo Paes – DEM, publicou nesta sexta-feira (5), no Diário Oficial da cidade, um decreto que determina a proibição da entrada de ônibus, vans e qualquer tipo de veículo que faça o serviço de fretamento dentro do município de Rio de Janeiro, entre os dias 12 a 2 de fevereiro, como forma de tentar reduzir a proliferação do novo coronavírus, com a chegada desses veículos que fazem excursões no estilo bate-volta.

A administração municipal suspendeu os festejos de carnaval, um dos mais conhecidos no mundo, por se uma festa que gera aglomerações, porém, a prefeitura teme que mesmo com a suspensão da festa, muitos turistas possam chegar na cidade.

A Prefeitura do Rio disse que estão liberados apenas os veículos que prestam serviços regulares no transporte de funcionários de empresas ou hotéis, onde os passageiros comprovem, que há reserva de hospedagem.

A Guarda Municipal do Rio de Janeiro ficará responsável pela fiscalização em conjunto da Secretaria de Ordem Pública, da Companhia de Engenharia e Tráfego – CET-RIO, e Vigilância Sanitária.

Foto: Reprodução de TV – Carnaval 2019

O governo municipal informou ainda que o decreto nº 48.500, segue com restrições a ocorrência de concentrações e desfiles de agremiações e blocos carnavalescos, inclusive atividades recreativas que apresentem características comuns a blocos carnavalescos; a concessão, pelos órgãos municipais competentes, de autorização para comércio ambulante temporário e de licenciamento transitório para a realização de quaisquer eventos de blocos carnavalescos.

Os agentes poderão “reter ou apresentar mercadorias, produtos, bens, equipamentos fixos e móveis, instrumentos musicais e veículos automotores e rebocáveis, sem prejuízo da aplicação de multa e interdição do local ou estabelecimento”. No caso dos blocos de carnaval, o descumprimento da norma automaticamente veta o credenciamento da bloco para o Carnaval de 2022.

Ônibus intermunicipais e interestaduais segue liberados

A circulação dos ônibus intermunicipais e interestaduais, seguem liberados para entrar na cidade.

A Rodoviária Novo Rio, também conhecida como Rodoviária do Rio, segue com esquema para receber os turistas, mesmo com número reduzido, em relação ao mesmo período de carnaval do ano passado.

Com informações da Prefeitura do Rio