Últimas:
Sorocaba: Empresas Consor e BRT apoiam o Instituto Magnus com a socialização de cães-guia

SOROCABA – Acompanhados por suas famílias socializadoras e instrutores, os cães que integram o Instituto Magnus, centro de treinamento de cão-guia, realizaram treinamento em ônibus na garagem do Consor e BRT Sorocaba, empresas de transporte coletivo da cidade. A ação faz parte da preparação dos futuros cães-guia para aprenderem a andar de ônibus e se tornarem aptos para auxiliar pessoas com deficiência visual. Eles tiveram uma simulação real de como seria sair de casa e chegar em algum destino.

Foto: BRT Sorocaba – Divulgação

Para que haja familiaridade com essa rotina e o transporte coletivo, os cães passaram pelas situações de embarque, deslocamento, parada, abertura/fechamento de portas e o desembarque. O cão-guia, embora seja um animal, pode entrar em transporte público e está protegido pela Lei do Cão-guia n° 11.126/decreto 5904 que assegura sua livre circulação.

“A acessibilidade é um direito de todos e esses cães darão a possibilidade de uma locomoção mais segura para aqueles que precisam. Um cão-guia é um missionário pela inclusão social, e nós, como empresa de transporte, devemos promover a mobilidade urbana de forma inclusiva e igualitária. Receber um futuro cão-guia em socialização é uma imensa satisfação. Somos entusiastas deste programa e sabemos o quanto ele faz a diferença na vida das pessoas que necessitam de companheiro como eles”, afirma Manoel Ferreira, representante das empresas Consor e Concessionária BRT Sorocaba.

Foto: BRT Sorocaba – Divulgação

Para que as ações do programa continuem avançando é necessário a participação voluntária das famílias socializadoras que queiram receber esses cães em seus lares e ajudem a desenvolverem suas habilidades no dia-dia. Essas famílias têm a missão de introduzir o cão-guia em sociedade, possibilitando que eles convivam com o maior número possível de pessoas, animais e lugares. Tudo isso para que estejam prontos para auxiliar o dia-a-dia de pessoas com deficiência visual.

De acordo com Thiago Pereira, gerente geral do Instituto Magnus, essa é uma causa do bem e que deve ser propagada. “Mesmo com as consequências da pandemia estamos cumprindo com nosso planejamento, seguindo todos os protocolos de saúde dos órgãos competentes. A contribuição de empresas de transporte é muito importante para realizar os treinamentos com os cães, fazendo a diferença num momento atípico”.

Foto: BRT Sorocaba – Divulgação

Desde a inauguração do Instituto Magnus, em 2018, o programa já beneficiou 28 pessoas com cão-guia e uma pessoa com cão de assistência à cadeirante. Até o momento, 37 cães estão em fase de socialização, podem ser reconhecidos pelo uso do colete amarelo e uma plaquinha de identificação.

Quem tiver interesse em fazer parte do programa pode tirar todas as dúvidas e se inscrever pelo site do Instituto: www.institutomagnus.org.

Com informações do BRT Sorocaba

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: