Aparecida: Santuário Nacional deixa de receber milhares de ônibus neste feriado

Aparecida: Santuário Nacional deixa de receber milhares de ônibus neste feriado

12 de outubro de 2020 0 Por Redação Revista do Ônibus

APARECIDA – Nesta segunda-feira (12), dia de Nossa Senhora Aparecida, o cenário no Santuário Nacional é de menos ônibus, poucas romarias, e milhares de fiéis visitando o local de carro, micro-ônibus, ou até mesmo chegando pela rodoviária da cidade, para celebrar o Dia da Padroeira do Brasil, que mesmo sem missas presenciais por causa da pandemia de coronavírus, a Basílica de Aparecida deve receber milhares de romeiros.

Foto: Thiago Leon – Santuário Nacional de Aparecida – Divulgação

O maior templo mariano do planeta, precisou alterar o planejamento da festa religiosa de Aparecida deste ano, por conta da pandemia do novo coronavírus. A programação segue a prevenção, e uma das principais mudanças foi a proibição de fiéis e romarias nas missas presenciais desta segunda-feira (12).

As celebrações serão transmitidas pela internet. A principal missa do dia acontece às 9h e será presidida pelo arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes. Também estão previstas missas às 7h, 12h e 18h.

Mesmo sem poder participar das missas, milhares de romeiros devem visitar o Santuário Nacional no 12 de outubro. Na véspera, o templo ficou bastante movimentado com a chegada dos romeiros, vindo de vários cantos do Brasil, de carro, vans, micro-ônibus ou desembarcando na rodoviária.

A Basílica irá permitir visitas a espaços que costumam atrair muitos devotos, como a passagem pela Imagem da Santa no nicho, Capela das Velas e Sala das Promessas. Os locais terão controle de fluxo e higienização constante.

A passagem para ver a Imagem da Santa no nicho, por exemplo, terá restrição de cerca de 50 pessoas por vez. O devoto também poderá ficar apenas cerca de três minutos no local.

Para agradecer ou fazer pedidos, devotos de Nossa Senhora Aparecida aproveitam o Dia de 12 de Outubro para pagar promessas à Santa.

Devido à pandemia do coronavírus, o local teve um movimento menos intenso do que em anos anteriores. O Santuário adotou regras rígidas para respeitar o isolamento social e evitar aglomerações.

Com informações do Santuário Nacional de Aparecida e TV Vanguarda