Rio Doce deve iniciar operação da linha Além Paraíba x São Paulo x Além Paraíba com DD

Rio Doce deve iniciar operação da linha Além Paraíba x São Paulo x Além Paraíba com DD

3 de agosto de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

ALÉM PARAÍBA E SÃO PAULO – A Viação Rio Doce que possui sede no município de Caratinga, no interior de Minas Gerais segue operando o trecho Além Paraíba x São Paulo e São Paulo x Além Paraíba, vem chamando atenção de clientes e admiradores, com a presença do mais moderno carro da frota, o Comil Invictus DD, equipado com chassi Scania 8×2 em São Paulo. Acredita-se que os novos carro da empresa, possam estar sendo escalados no trecho, São Paulo x Além Paraíba com extensão até Coronel Fabriciano.

De acordo com moradores e pesquisadores em trasportes, os carros da Rio Doce, seguem fazendo o trecho esticando entre Sapucaia, no Rio de Janeiro, cidade vizinha ao município de Além Paraíba, até o município de Fabriciano, criando uma ligação importante entre Fabriciano até São Paulo com a conexão.

Os novos veículos da Rio Doce, do modelo Comil Invictus DD, são equipados com 52 poltronas no segundo piso e outras 16 poltronas no primeiro piso, sendo o serviço convencional no primeiro piso e executivo no segundo andar.

Ao pesquisar sobre a linha, é possível ver o mapa de um veículo com apenas 42 poltronas, diferente da configuração dos carros Double Deck, recentemente incorporados a frota da Rio Doce.

Rio Doce poderá explorar linha saindo de Minas até São Paulo via o Rio de Janeiro

Como medida da expansão, a Rio Doce que opera diversas linhas intermunicipais e interestaduais, estuda a implantação da linha Laginha x São Paulo via Rio de Janeiro.

O trecho que liga a cidade na Zona da Mata até São Paulo, segue desativado há mais de 30 anos, e se for disponibilizada, irá atender diversas cidades como Durandé, Martins Soares, Manhumirim, Espera Feliz, Carangola e Tombos, em Minas Gerais; bem como as cidade de Itaperuna, Campos, Rio de Janeiro e Resende, no território Fluminense, assim como em Aparecida, no estado de São Paulo, até a chegada a capital paulista.

A liberação da linha segue dependendo de uma autorização da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT, como informa a Fanpage Drumondbus.

Com informações da Drumondbus e Redes Sociais