SP: Sistema de transporte BRT Sorocaba é referência no Brasil por operação inteligente e uso de tecnologia de dados

SP: Sistema de transporte BRT Sorocaba é referência no Brasil por operação inteligente e uso de tecnologia de dados

22 de julho de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

SOROCABA – O novo projeto de transporte coletivo de Sorocaba, o BRT, torna-se referência nacional em inovação e tecnologia. A partir do Sistema Inteligente de Transporte (ITS), 16 soluções integradas via plataforma desenvolvida pelo CittaMobi conectará e integrará todos os dispositivos da operação, desde informações geradas pelas catracas, bilhetagem e câmeras até sensores das portas, TVs e canais de som.

Foto: BRT Sorocaba – Divulgação

Na prática, a tecnologia ITS recebe as informações, processa, interage e envia comandos ou mensagem de texto/áudio para a central de controle. O monitoramento de toda operação, acompanha os processos e possui ampla automação para ações remotas.

Luiz Alexandre Massariol, Diretor da Concessionária BRT Sorocaba, esclarece que esse fluxo será feito a partir de uma única interface com operação controlada de forma remota e estações com menos fiscais e mais autonomia. “Caso uma usuária do sistema acione o Botão de Incidente Grave, conhecido como BIG, do aplicativo CittaMobi, o operador no Centro de Controle Operacional (CCO) recebe o alerta, visualiza as imagens e pode enviar um alerta sonoro ou tomar outra providência. Esse volume de tecnologia ajudará os passageiros durante as viagens, além dos outros recursos do ITS que possibilitará uma operação com deslocamentos mais rápidos, confortáveis, seguros e com previsibilidade”. 

Foto: BRT Sorocaba – Divulgação

Para se ter uma dimensão da inteligência do sistema, outro exemplo é o sistema de monitoramento.  Se um indivíduo com necessidade especial passa o cartão no validador, a plataforma recebe a informação e a câmera mostra que ele é uma pessoa com deficiência (PCD). Logo, a plataforma envia o comando para a porta do meio abrir sem precisar de um funcionário na estação para fazer nenhum tipo de interferência.

No caso do encerramento das atividades do dia, se uma estação for fechar e as câmeras identificam que existe um passageiro dentro da estação, o sistema de som falará com essa pessoa especificamente, informando o encerramento das atividades e solicita que deixe o local.  Desta forma, as soluções interligam esses dados e geram indicadores que darão suporte à operação do BRT.

Massariol destaca também o sistema de bilhetagem“Para embarcar, o passageiro poderá comprar o seu bilhete por meio do autoatendimento ou a avulso via aplicativo e um QR Code será gerado no celular. Para validar a entrada, basta aproximar o celular no leitor da catraca. Este último recurso é semelhante ao que é utilizado em aeroportos e cinemas”.

Foto: BRT Sorocaba – Divulgação

Primeira fase de operação

Em breve, os sorocabanos poderão usufruir de 43 novos ônibus, sendo 29 tipo padron com 12,5 metros e 14 superarticulados com 23 metros. Todos os veículos possuem maior capacidade de passageiros, wi-fi gratuito, tomadas USB, monitoramento interno de câmeras, ar-condicionado e motores mais silenciosos. A nova operação será controlada pelo Centro de Controle Operacional (CCO) e monitorada por GPS.

Sistemas ITS disponíveis no BRT Sorocaba

Ao total são 16 soluções integradas que darão suporte para eficiência da operação. Os sistemas são:

·       Controle Centralizado e Previsões CittaMobi;

·       Monitoramento das Unidades BRT;

·       Redes de Transmissão de Dados envolvendo 40 km em fibra ótica e centenas de equipamentos;

·       Monitoramento embarcado;

·       Comunicação terra-ônibus;

·       Multimídia, informação e entretenimento;

·       Sonorização Digital;

·       Automação padrão SCADA;

·       Posicionamento do Material Rodante;

·       Wi-fi gratuito;

·       Comunicação fixa – Telefonia digital IP;

·       Alarme de Segurança;

·       Alarme e Combate a Incêndio;

·       Bilhetagem e reconhecimento biométrico;

·       Venda de passagens integrado, aplicativo, bilheteria e autoatendimento;

·       Energia inteligente e fotovoltaica (energia solar).

Com informações do BRT Sorocaba