Rio: PRF escolta grupo com mais de 40 brasileiros repatriados do Chile

Rio: PRF escolta grupo com mais de 40 brasileiros repatriados do Chile

20 de maio de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

RIO – Mais de 40 brasileiros foram escoltados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na chegada ao país. O grupo foi repatriado em uma missão de natureza humanitária do Consulado-Geral do Brasil no Chile, com apoio da Adidância Aérea brasileira. O regresso aconteceu na tarde de quarta-feira (20).

Foto: Polícia Rodoviária Federal – Divulgação

Os cidadãos em situação de vulnerabilidade por causa da pandemia, com dificuldades para retornar ao Brasil, foram apoiados pelo consulado, através da via diplomática, com tratativas para trazer o grupo de volta ao país. Em um avião da Força Aérea do Chile que vinha para o Brasil, os 45 brasileiros embarcaram no Aeroporto Internacional Arturo Merindo, em Santiago, na capital chilena.

Quando chegaram no país, no Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, foram recebidos por um representante da Comissão de Direitos Humanos da PRF. O Núcleo de Operações Especiais (NOE/RJ) realizou a escolta dos brasileiros repatriados.

Eles foram levados até o Aeroporto Santos Dumont e a Rodoviária Novo Rio, no Centro, onde embarcaram de volta para suas cidades. Um grupo permaneceu no Rio, em um hostel no Catete, na Zona Sul, enquanto aguarda os voos de retorno para casa.

Foto: Polícia Rodoviária Federal – Divulgação

Recepção no Rio de Janeiro

Na chegada ao Rio de Janeiro, os brasileiros foram recepcionados pelas equipes da PRF, receberam bebidas e lanches, com biscoitos, frutas, sucos e isotônicos, além de materiais de higiene. O kit foi entregue pelo Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais (SINPRF/RJ), que também apoiou a missão de natureza humanitária.

Com informações da Polícia Rodoviária Federal