Covid-19: Morre motorista  de ônibus do transporte urbano de Salvador

Covid-19: Morre motorista de ônibus do transporte urbano de Salvador

20 de maio de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

SALVADOR – O clima no transporte urbano de passageiros de Salvador, segue cada vez mais tenso. Morreu nesta terça-feira (19), mais um rodoviário atingido pela Covid-19, como informou o Sindicato dos Rodoviários da Bahia.

O motorista identificado como Efigênio Maciel do Sacramento Nascimento, de 43 anos, seguia internado no Hospital Teresa de Lisieux, mesmo hospital em que foi internado e veio há óbito no último domingo (17), o cobrado da mesma empresa, como informamos aqui. O nome da empresa de ônibus, não foi informada.

“Ele ficou no Teresa de Lisieux por mais de uma semana. Era casado, tinha filhos. Era um rodoviário bem ligado à gente do sindicato. Como a categoria é grande, tem motoristas que a gente conhece de vista. Mas não era o caso de Bolacha, como ele era conhecido pela categoria. Muito lamentável. Era da mesma empresa do cobrador e da menina da limpeza que morreram com coronavírus”, contou o vice-presidente do sindicato, Fábio Lima, em conversa com ao portal G1 e Rede Bahia

O sindicato que representa dos rodoviários segue solicitando as empresas de ônibus que pertence ao Consórcio Integra, que opera as linhas municipais de Salvador, para que sigam distribuindo os Equipamentos de Proteção Inidividuais – EPIs, como forma de tentar conter a proliferação do novo coronavírus entre os motoristas e cobrados da cidade.

Diante de mais uma morte de um rodoviário, o sindicato reivindica a distribuição de equipamentos de proteção individual e a instalação de proteções nos veículos, para minimizar o risco de contágio para cobradores e motoristas.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador – Setps, ainda não informou qual real número de funcionários das empresas de ônibus da capital, que estão contaminados com a Covid-19.

Governo Municipal se manifesta sobre o assunto

A Prefeitura de Salvador informou em nota através da Secretaria Municipal de Mobilidade – Semob que, em conjunto com a Limpurb, intensificou a limpeza das estações de transbordo desde o início da pandemia na cidade, lavando diariamente e com a presença dos agentes limpando os corrimões frequentemente.

A secretaria disse ainda que os ônibus também são lavados durante a noite, quando chegam às garagens e que nas estações, durante a troca de motoristas, a limpeza também é reforçada.

A secretaria disse que já distribuiu mais de 30 mil máscaras aos usuários de transportes de Salvador, e que também realiza diariamente a fiscalização do uso do acessório para quem utiliza o transporte, protegendo tanto o passageiro quanto os operadores.

Com informações do Sindicato dos Rodoviários de Salvador, Prefeitura de Salvador e Rede Bahia de Televisão