Governador da Paraíba determina o fechamento de todas as rodoviárias do estado

Governador da Paraíba determina o fechamento de todas as rodoviárias do estado

16 de maio de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

JOÃO PESSOA – Na tentativa de conter a proliferação do novo coronavírus – Covid-19, o governador da Paraíba, João Azevêdo assinou neste sábado (16), um novo decreto que possui validade até o próximo dia 31 de maio, com medidas ainda mais rígidas para o transporte e o comércio em todo o estado da Paraíba.

A publicação do novo decreto traz quatro itens que o governo informa que são necessários, para combater o avanço da doença em solo paraibano, como a utilização de máscaras de proteção, que já era obrigatório, porém, quem estiver dentro do transporte público ou em empresas privadas, como mercados e padarias por exemplo, essas empresas serão multadas em R$ 100 para cada pessoas sem o Equipamento de Proteção Individual.

Ainda de acordo com o novo decreto, ficaram suspensas todas as viagens intermunicipais no estado, e todas as rodoviárias passarão ficar fechadas entre os dias 20 a 31 de maio. Além da proibição de circulação dos ônibus intermunicipais, segue suspensa também a travessia de balsa de Lucena x Cabedelo e de Cabedelo a Lucena, no mesmo período.

A circulação dos ônibus intermunicipais seguem operando mesmo que de forma parcial e reduzida até esta terça-feira (19). Diversas empresas de ônibus, já suspenderam suas atividades por conta da baixa procura de passageiros, em meio a pandemia.

As atividades da construção civil também é destacada neste novo decreto, exceto para obras relacionadas às necessidades da pandemia. Essa suspensão acontece nas cidades de João Pessoa, Bayeux, Cabedelo, Conde, Santa Rita, Alhandra, Caaporã e Pitimbu, além também de Campina Grande e outras cidades da região como Queimadas, Lagoa Seca e Puxinanã.

O governo do Estado da Paraíba informa também que as irá intensificar as ações das barreras sanitárias nas rodovias estaduais. Nos municípios de Conde, Lucena, Alhandra, Caaporã e Pitimbu apenas pessoas que vão trabalhar em atividades essenciais ou fazer consultas ou procedimentos médicos poderão passar.

O comércio em geral segue fechado, bem como academias, shoppings e outros. Ficando apenas o serviço essencial em funcionamento como mercados, padarias e farmácias.

Com informações do Governo do Estado da Paraíba.