Rio tem 41 mortos pelo coronavírus em 24 horas, equivale um ônibus rodoviário lotado de mortos

Rio tem 41 mortos pelo coronavírus em 24 horas, equivale um ônibus rodoviário lotado de mortos

2 de abril de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

RIO – A pandemia do novo coronavírus, registrou nesta quinta-feira (2) no Estado do Rio de janeiro, mais 13 mortes confirmadas, subindo com isso, para 41 o número de óbitos em todo o estado do Rio de Janeiro, segundo dados do Ministério da Saúde. Esse número, equivale um ônibus rodoviário lotado de mortos.

De acordo com o Ministério da Saúde, esse está sendo até o momento, o maior aumento em um único dia, no registro de morte, desde que se iniciou a pandemia, que foi de 46%.

O número total de casos subiu 19% e chegou a 992 – 160 a mais que na quarta-feira (1º), quando havia 832 pacientes infectados com coronavírus confirmados.

Em todo o país, o balanço do Ministério da Saúde aponta 299 mortes, com 7.910 casos confirmados. Na quarta-feira (1), o país tinha 6.836 casos confirmados e 241 mortes. A taxa de letalidade está em 3,8%.

Rodoviária de Barra Mansa segue fechada por determinação da Prefeitura

Muitas empresas de transporte rodoviários e urbanos seguem com paralisação total ou parcial de suas atividades, como forma de tentar conter a proliferação do novo coronavírus.

Em diversas cidades, já há restrições para a entrada de ônibus intermunicipais ou interestaduais, como forma de conter o avanço da pandemia nessas cidades, como em Angra dos Reis, Petrópolis, Teresópolis, Nova Iguaçu, Barra Mansa entre outros municípios.

A Rodoviária do Rio, segue aberta e ainda recebe ônibus vindos de Belo Horizonte, através da Viação Util e ônibus vindos de Curitiba e São Paulo, através da Viação Kaissara. As empresas seguem contrariando o decreto do governo do Estado do Rio de Janeiro, que impede a entrada de ônibus vindo de cidades com casos da Covid-19, já confirmados.

A Viação Cometa que opera a linha Rio x Belo Horizonte x Rio, assim como as empresas Auto Viação 1001, Expresso do Sul, ambas do Grupo JCA, e a Expresso Brasileiro e Viação Aguia Branca do Grupo Aguia Branca, que operam o trecho Rio x São Paulo x Rio, seguem com suas operações paralisada, em respeito ao isolamento social e ao decreto do Governo do Estado do Rio de Janeiro.

Procurado, o Governo do Estado do Rio de Janeiro, ainda não se manifestou sobre o assunto.

Distribuição de casos por municípios (sem a atualização de quinta-feira):

  • Rio de Janeiro – 697
  • Niterói – 62
  • Volta Redonda – 12
  • São Gonçalo – 11
  • Nova Iguaçu – 7
  • Duque de Caxias – 6
  • Petrópolis – 5
  • Itaboraí – 4
  • Belford Roxo – 3
  • Rio das Ostras – 3
  • Barra Mansa – 2
  • Maricá – 2
  • Resende – 2
  • Rio Bonito – 2
  • São João de Meriti – 2
  • Angra dos Reis – 1
  • Arraial do Cabo – 1
  • Campos dos Goytacazes – 1
  • Guapimirim – 1
  • Macaé – 1
  • Mangaratiba – 1
  • Miguel Pereira – 1
  • Queimados – 1
  • São Pedro da Aldeia – 1
  • Seropédica – 1
  • Teresópolis – 1
  • Valença – 1

Casos na cidade do Rio

Na capital, até quarta eram 697 casos confirmados, com 24 mortes (7 mulheres e 13 homens), uma delas na rede pública. A Secretaria Municipal de Saúde estima 4.471 casos prováveis . O município tinha 52 pacientes internados, 28 deles em UTIs.

Painel on-line

A Secretaria Estadual de Saúde lançou na terça-feira (31) um painel de acesso a informações sobre o novo coronavírus. As atualizações são diárias.

O “Painel Coronavírus Covid-19” faz o monitoramento on-line dos casos no estado e tem como objetivo ampliar o acesso da população às informações.

Além dos casos confirmados e os óbitos por município, a plataforma traz também dados por faixa etária e gênero dos pacientes.

Com informações do Governo do Estado do Rio de Janeiro e Ministério da Saúde