SP: Caio anuncia assembléia propondo jornada intercalada de trabalho por conta do novo coronavírus

SP: Caio anuncia assembléia propondo jornada intercalada de trabalho por conta do novo coronavírus

1 de abril de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

BOTUCATU – A fabricante de ônibus urbanos, Caio Induscar que possui sede na cidade de Botucatu, no interior do Estado de São Paulo, anuncia através de sua rede social, um comunicado importante aos funcionários, feito pelo diretor industrial da empresa, Maurício Lourenço da Cunha, visando uma assembléia para propor uma jornada intercalada de trabalho na unidade fabril.

Foto: Caio Induscar – Divulgação

O anúncio feito nesta terça-feira (31), chama atenção dos funcionários e o mercado do transporte de ônibus.

Para a fabricante de ônibus, o objetivo da nova proposta, é evitar aglomerações, sugerindo que os funcionários sejam divididos em dois grupos, para quem trabalhe metade dos dias úteis do mÊs.

“Em um mês com 20 dias úteis, cada grupo trabalhará 10 dias. A remuneração será 100% dos dias trabalhados e 60% dos dias não trabalhados, totalizando ao final do mês um salário de aproximadamente 80% do valor mensal”, explicou Cunha.

“O 60% dos dias não trabalhados serão lançados no banco de horas e compensados posteriormente, em datas a serem definidas pela empresa. Essa proposta e esse critério de remuneração serão válidos para todos, sem exceção, desde a diretoria até o mais novo ajudante”, completou.

Foto: Caio Induscar – Divulgação

Nesta quarta-feira (1º), será feito uma assembléia para que os funcionários possam votar a nova proposta. Ainda segundo a fabricante, a assembléia será realizada em local aberto, para não ter aglomeração de pessoas.

“Para superar as dificuldades que aí estão e as que estão por vir, precisaremos de um grande esforço conjunto, de aproximadamente 100 mil pessoas, entre familiares e colaboradores do nosso time e familiares de colaboradores dos nossos fornecedores”, disse o executivo da Caio.

Com informações da Caio Induscar