Vídeo: Rodovia Presidente Dutra é interditada por conta de alagamento no Rio de Janeiro neste domingo

Vídeo: Rodovia Presidente Dutra é interditada por conta de alagamento no Rio de Janeiro neste domingo

1 de março de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

RIO – A manhã deste domingo (1º) foi de caos no trânsito na cidade do Rio de Janeiro, devido às fortes chuvas que atingiu a capital e também, as demais cidades da Região Metropolitana do Rio. O alagamento chegou interditar neste sábado (29), diversos corredores do BRT Rio, que segue neste domingo, com intervalos irregulares.

Foto: Reprodução de Redes Sociais

Os motoristas que precisavam chegar ao Rio de Janeiro ou até mesmo sair da cidade, pela Rodovia Presidente Dutra, a principal ligação entre o Rio de Janeiro e cidades da Baixada Fluminense, Sul Fluminense e cidades de São Paulo, precisaram ter paciência, devido ao transbordamento do Rio Acari, que alagou a rodovia que acabou tendo o tráfego bloqueado nos dois sentidos na manhã deste domingo.

O sentido São Paulo, acabou sendo liberado mais cedo, porém, motoristas seguiam presos no trânsito no sentido Rio de Janeiro.

Na Barra da Tijuca, o mergulhão U e Y foi interditado preventivamente. Mais cedo, ele chegou a ficar alagado, impedindo a circulação de veículos.

A Avenida Brasil, que chegou a ficar totalmente interditada desde a madrugada na altura de Irajá, na Zona Norte, já tinha a pista em direção ao Centro liberada por volta das 11h. Já a pista central estava fechada no sentido Zona Oeste, com desvio para a pista lateral.

O tráfego na Rodovia Presidente Dutra segue livre durante esta tarde de domingo onde chove fino em diversas partes do Rio e Grande Rio.

Por conta do temporal, o município da capital está sob estágio de alerta e a previsão é de que mais chuva atinja a cidade ao longo do dia. O prefeito Marcelo Crivella divulgou nota sobre a situação na cidade. Ele disse que as equipes estão nas ruas e pediu que a população evitem áreas de risco.

“Estamos em alerta máximo. Nossos órgãos estão preparados para resolver as situações e as nossas equipes estão nas ruas trabalhando. Vamos sair mais fortes de momentos como esses. Evitem áreas de risco, não joguem lixo nas ruas para não entupir os bueiros e atendam às equipes de orientação. Quando soarem as sirenes, se dirijam aos pontos de refúgio”, disse.

Até as 16h00 deste domingo (1°), as principais ocorrências registradas em função do temporal foram:

  • Duas mortes na Zona Oeste – um homem no Tanque e uma idosa na Taquara
  • Alagamentos em diversas vias, com destaque para a Avenida Brasil
  • BRT interrompeu serviço em um dos corredores
  • Trens ficaram inoperantes em dois ramais
  • Em uma hora, Zona Oeste registrou metade da média histórica de chuva para março
  • Visitas são suspensas nos presídios de Bangu por conta de alagamentos
  • 28 sirenes foram acionadas em 14 comunidades até 14h30 deste domingo

Duas mortes foram registradas pelo Corpo de Bombeiros na Zona Oeste da cidade. A primeira ocorreu no Tanque, onde um homem, ainda não identificado, foi retirado sem vida dos escombros de um imóvel que desabou após deslizamento de terra, por volta das 4h25. A corporação ainda não esclareceu detalhes do ocorrido.

Com informações da Prefeitura do Rio, Tv Globo e Redes Sociais