SC: Rodoviários de Blumenau podem parar a partir desta segunda-feira

SC: Rodoviários de Blumenau podem parar a partir desta segunda-feira

9 de fevereiro de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

BLUMENAU – Em meio ao impasse entre o  Sindicato dos Empregados nas Empresas Permissionárias do Transporte Coletivo Urbano de Blumenau – Sindetranscol, moradores de Blumenau podem ter que enfrentar uma paralisação dos rodoviários a partir desta segunda-feira (10).

Na última quinta-feira (6), os rodoviários decidiram entrar em estado de greve, e o prazo para fim da notificação da paralisação, termina nesta segunda-feira (10).

Mesmo com o anúncio de uma possível paralisação dos serviços na cidade, uma decisão liminar da Justiça, determinou que 90% dos ônibus devem circular na cidade em qualquer dia e horário.

Vale lembrar que em paralisações anteriores da categoria, nenhum veículo saiu das garagens, mesmo com decisões semelhantes.

A Concessionária BluMod, que opera as linhas municipais, informou que uma paralisação neste momento, vai representar “prejuízo a toda a população que necessita do transporte coletivo”.

A BluMod informou ainda que o salário e benefícios dos rodoviários foi corrigido em novembro de 2019 em 2,55%, INPC acumulado. Disse ainda que os salários de motoristas e cobradores foram ajustados para R$ 2.614,85 e R$ 1.530,79. O vale-alimentação passou para R$ 820,40.

Foto: Sindicato dos Empregados nas Empresas Permissionárias do Transporte Coletivo Urbano de Blumenau (Sindetranscol) – Divulgação

O  Sindicato dos Empregados nas Empresas Permissionárias do Transporte Coletivo Urbano de Blumenau – Sindetranscol, disse que a categoria decidiu aprovar o estado de greve, “podendo paralisar suas atividades a qualquer tempo e forma após o prazo de 72 horas. A decisão ocorreu pela paralisação das negociações, bem como pela intransigência da empresa no atendimento mínimo das reivindicações”.

Com informações do BluMod e Sindetranscol