RJ: Teresópolis registra protesto contra novo sistema de integração de ônibus

RJ: Teresópolis registra protesto contra novo sistema de integração de ônibus

4 de fevereiro de 2020 Off Por revistadoonibus

TERESÓPOLIS – Moradores de Teresópolis realizaram na manhã desta segunda-feira (3), pelo segundo dia, um protesto contra o novo sistema de integração do transporte municipal, na Região Serrana do Rio de Janeiro. No último domingo (2), primeiro dia de protesto, o trânsito no bairro Ponte do imbuí e em outros lugares da cidade, ficou complica, no mesmo dia em que entrou em vigor o novo sistema de integração nos ônibus.

Foto: Reprodução de Redes Sociais

Nesta segunda-feira (3), um grupo se reuniu em frente a sede da prefeitura para seguida com o protesto contra a novidade. O governo municipal através de nota, disse que secretários seguiam reunidos para discutir as reivindicações dos moradores.

Os manifestante reclamam do valor alto das passagens, a quantidade de ônibus que está sendo disponibilizada e pelo tempo de espera para embarcar, assim como as precárias condições dos pontos de integração.

Foto: Reprodução de Redes Sociais

Com o novo sistema, os passageiros pagam uma passagem no valor de R$ 4 e podem pegar até outros dois ônibus, desde que sigam no mesmo sentido. Os sistema também tem a instalação de pontos de integração e exige que os passageiros tenham o RioCard, que custa R$ 3.

“Eu vou ficar mais de três horas sem linha de ônibus no horário da noite e não vai ter como eu sair do meu trabalho e ir para casa. Ficar em um ponto onde é escuro e perigoso vai me prejudicar na hora de voltar para minha residência”, argumentou a estudante Bárbara Alencar.

Nos pontos de ônibus do município foram instaladas tendas provisórias. Segundo o empreiteiro Adalberto Ferreira, a situação causa insegurança para os moradores. Ainda de acordo com ele, no local já ocorreram dois assassinatos.

Com informações da Prefeitura de Teresópolis e InterTV