RJ: Homem acaba preso em ônibus de Petrópolis por importunação sexual

RJ: Homem acaba preso em ônibus de Petrópolis por importunação sexual

16 de janeiro de 2020 Off Por Redação Revista do Ônibus

PETRÓPOLIS – Um homem que não teve a sua identidade revelada, acabou preso na tarde desta quarta-feira (15), por importunação sexual, em um ônibus da Viação Cidade Real que fazia a linha 113 Marechal Hermes, sentido bairro. O caso ocorreu quando o coletivo trafegava pela Avenida Koeler, no Centro de Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro.

De acordo com os passageiros, o homem estava com a calça aberta e com seus órgão sexual à mostra, criando constrangimento aos passageiros. Ao ser acionado, o motorista do ônibus, informou a ocorrência aos guarda municipais que estava no Palácio Sérgio Fedel, local onde funciona a prefeitura, e levaram o acusado para a 105ª DP, no bairro do Retiro.

Uma mulher que estava no veículo prestou queixa na delegacia. Atos de importunação sexual podem ter pena de prisão de um a cinco anos.

Empresa se manifesta sobre o incidente

Em nota, a Viação Cidade Real, informou que o motorista, ao saber do possível caso de importunação sexual, nas dependências do ônibus, ocorrida por volta das 16h, imediatamente parou o ônibus em frente à sede da Prefeitura Municipal, acionou um agente da Guarda Civil, que realizou a abordagem.

O suspeito e a vítima foram encaminhados para a delegacia e o ônibus
voltou a operar às 16h45. Ao todo, uma viagem foi perdida.

Ainda em nota, a empresa frisa que repudia qualquer ato de importunação, assédio ou violência e, por isso, adere a qualquer tipo de ação que incentive as denúncias. Além disso, orienta que seus pressionais acionem o auxílio de força policial em qualquer caso de importunação para a condução do caso. A Cidade Real se coloca à disposição para cooperar com qualquer investigação.

Com informações da Guarda Municipal de Petrópolis e Viação Cidade Real