RN: Polícia Federal cumpre mandato contra quadrilha que usava ônibus de turismo para transporte drogas

RN: Polícia Federal cumpre mandato contra quadrilha que usava ônibus de turismo para transporte drogas

13 de dezembro de 2019 Off Por revistadoonibus

NATAL – Uma ação da Polícia Federal, ocorre desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (13), cumpre mandados de prisão e também de busca e apreensão em três Estados, no combate ao tráfico de drogas. A Polícia Federal, informou que uma advogada está entre os presos nesta manhã. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Federal no Rio Grande do Norte.

Ainda de acordo com a corporação, foram cumpridos mandados nas cidades de Natal, Nísia Floresta, e Ceará-Mirim, no Rio Grande do Norte; em Rio Branco, no Acre; e em Pimenta Bueno, em Rondônia.

As investigações começaram após a PF detectar uma movimentação financeira atípica de um ex-presidiário, vinculado a acreanos envolvidos em tráfico de drogas. O suspeito tentava depositar valores expressivos em uma conta no Acre.

Durante as investigações os policiais federais descobriram que o grupo comprou um ônibus de turismo para trazer drogas para Natal, simulando transporte de turistas.

Em março de 2018 a Polícia Rodoviária Federal abordou o ônibus, no entorno da cidade de Cuiabá, no Mato Grosso, e encontrou cocaína dissimulada no assoalho. O motorista foi preso.

De acordo com a Polícia Federal, após a apreensão no ônibus, o líder da ação criminosa – foragido da justiça e natural de Mossoró – comprou um caminhão, tipo carreta, para modificar o modus operandi. O tráfico no percurso Acre – Rio Grande do Norte passou a ser feito com o caminhão, segundo a PF.

Em uma das viagens, a Polícia Federal potiguar identificou o veículo e realizou, em junho de 2018, a apreensão de 277 quilos de cocaína. Na ocasião, o motorista e o passageiro foram presos.

De acordo com a PF, as investigações apontaram ainda que uma advogada atuava orientando a organização criminosa em como realizar a manipulação e divisão dos entorpecentes. Ela teve a prisão preventiva decretada.

Com informações da Polícia Federal e Tv Integração