Homem furta ônibus em Salvador e acaba parando em hospital no bairro de Narandiba

Homem furta ônibus em Salvador e acaba parando em hospital no bairro de Narandiba

20 de novembro de 2019 Off Por revistadoonibus

SALVADOR – Susto para os passageiros de um ônibus da empresa OT Trans, que opera linhas no Consórcio Integra de Salvador, na manhã desta quarta-feira (20). Um homem que foi identificado como Alessandro Brás Vilas Boas, de 38 anos, acabou detido, após furtar um coletivo com passageiros a bordo por volta de 5h30. O roubo, segundo a Polícia Civil, ocorreu no final da linha do bairro Engomadeira, na capital baiana.

O rapaz acabou conduzindo o coletivo com vários passageiros a bordo até o Hospital Psiquiátrico Juliano Moreira, que está localizado no bairro Narandiba, como informou o Grupo Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (GERRC).

Os rodoviários da empresa que trabalham na região informaram que o motorista desceu para tomar café antes de iniciar a viagem quando foi surpreendido. O detalhe: Alessandro fez paradas para embarcar 38 passageiros.

Ao chegar em seu destino, Alessandro teria pedido aos passageiros que fizessem fotos dele. Percebendo o que havia acontecido, motoristas e cobradores acionaram a polícia e o ônibus foi resgatado e recolhido para o GERRC, na Baixa do Fiscal. O suspeito é motorista profissional de ambulância, não tem passagens pela Polícia Civil e teria contado durante depoimento que fez a ação “para aparecer”. 

Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) nega que o suspeito seja ex-funcionário da unidade de saúde. Segundo o órgão, a informação é de que o homem seria paciente do hospital.

Ainda de acordo com a Sesab, o fato não atrapalhou o funcionamento da unidade de saúde, não deixou feridos e nem causou danos à estrutura do imóvel.

Salvador é alvo de furto de ônibus

A ação do motorista de ambulância foi parecida com casos que aconteceram em Salvador e Região Metropolitana nos últimos meses. O responsável por pelo menos três furtos de coletivos e uma tentativa: Jorge Fernando Pereira da Silva, de 62 anos, que foi preso em todas as oportunidades. 

Com informações da TV Aratur, Polícia Civil e Transalvador