Ônibus da Expresso Internacional Ormeño apresenta problemas no ar e atrasa viagem ao Peru

Ônibus da Expresso Internacional Ormeño apresenta problemas no ar e atrasa viagem ao Peru

18 de novembro de 2019 Off Por revistadoonibus

VILHENA – A viagem de ônibus entre o Rio de Janeiro e Lima, no Peru, pode ter seus contratempos, afinal, são aproximadamente cinco dias na estrada.

Passageiros que embarcaram no Rio de Janeiro a bordo do ônibus Comil DD equipado com chassi Mercedes-Benz da Expresso Internacional Ormeño, seguem aguardando o coletivo, após uma pane no ar condicionado, como informa o jornalista Diego Salgado, que está a bordo do ônibus.

Neste domingo (17), o veículo apresentou seu primeiro problema no ar condicionado, onde todos precisaram aguardar o conserto em um posto de combustível.

Os torcedores do Flamengo que seguem para Lima, afim é claro de assistir a vitória do Flamengo contra o River Plate, na final da Copa Libertadores da América 219, que acontecerá no dia 23 de novembro, no Estádio Monumental de Lima, no Peru, tiveram mais um imprevisto nesta segunda-feira (18).

Após cinco horas com a viagem em atraso, a empresa Expresso Internacional Ormeño, conseguiu providenciar o reparo no ar condicionado do ônibus, como podemos ver a postagem em rede social.

Buser embarca flamenguistas no Rio nesta segunda-feira

Foto: Marcello Neves – Reprodução de Rede Social

O Buser, também conhecido como o App do ônibus, dará início nesta segunda-feira (18), a sua primeira operação internacional. O patrocinador do Flamengo, estará levando dezenas de torcedores do time do Rio de Janeiro até Lima, para acompanhar de perto a final da Copa Libertadores da América 219, que acontecerá no dia 23 de novembro, entre Flamengo e River Plate, no Estádio Monumental de Lima, no Peru.

A viagem de ônibus é longe e não é barata. Alguns torcedores, chegaram pagar de R$ 1.250 a R$ 2.500 para viajar do Rio de janeiro até Lima. A buser chegou inclusive, criar uma promoção com direito a passagem de ida e volta e ingressos por R$ 10.

Os torcedores desembolsaram entre R$ 1.250 e R$ 2.500 só com a passagem. Houve ainda promoções especiais com ingressos pelo valor simbólico de R$ 10.

De acordo com a diretora de marketing da Buser, Fátima Bana, a plataforma avalia de maneira positiva a receptividade das ações por parte do público. “Recebemos muitas interações no Instagram e no link que disponibilizamos. Estamos contentes de poder possibilitar mais essa alegria aos nossos torcedores flamenguistas que irão para o Peru em busca do tão sonhado título”, explicou.

No total, serão 11 dias de estrada com paradas nas fronteiras da Argentina, Chile e Peru. Pensando no bem-estar e segurança dos usuários, a plataforma disponibilizou ônibus leito para realizar o transporte. “Para a Buser, a prioridade sempre é a segurança dos nossos mais de 4 mil buseiros que cruzam o Brasil diariamente recebendo os serviços dos nossos parceiros e não será diferente para esses sortudos que irão torcer cruzando fronteiras. Além disso, todos os ingressos serão transportados de aéreo em um cofre. Essas medidas foram tomadas justamente para garantirmos a segurança de todos que irão. A Buser se preocupa com isso”, disse.

Para o diretor de operações da Buser, Thiago Zanetti, devido a grande responsabilidade em realizar esse transporte, a plataforma pensou em todos os detalhes. “Assumimos esse desafio de abraçar e tocar essa operação em uma viagem com quatro dias e meio de duração e mais de 5.000 km. Cruzando 3 Fronteiras e levando torcedores apaixonados para a realização de um sonho. Para tudo ocorrer bem, estudamos muito o trajeto, as paradas na viagem, a escolha do ônibus, a quantidade de motoristas, levar segurança a bordo, seguro de viagem, qualificação das empresas de fretamento e qualificação dos motoristas”, finalizou.

Com informações da Buser