ônibus Blog da Redação Cidades Fiscalização Mercado São Paulo Trânsito Turismo Viajando de Ônibus

Serviço Ubus da Metra segue proibido de circular em São Paulo

SÃO PAULO – Segue proibido a circulação dos modernos ônibus do modelo Paradiso G7 1050 equipados com chassi Mercedes-Benz, do serviço Ubus, da Metra Transportes.

A empresa trouxe o serviço Ubus, que estreou no corredor ABD  no dia 25, na linha 376E que liga o Terminal Metropolitano de São Bernardo do Campo, até o bairro do Brooklin, na Zona Sul de São Paulo, passando pela cidade de Diadema, criando com isso, uma experiência única com ônibus rodoviário.

A Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes da Prefeitura de São Paulo, informou que vai criar um grupo de trabalho que deverá revisar as autorizações dos diversos itinerários das linhas metropolitanas dentro da cidade de São Paulo.

Ainda de acordo com o governo municipal, a revisão visa reformular gradativamente as linhas municipais.

A prefeitura de São Paulo informa que o novo grupo terá 30 dias a partir da publicação para apresentar um novo projeto com os critérios para autorizações destinadas às linhas metropolitanas, e que esse prazo poderá sofrer alterações, caso seja necessário.

Prefeitura considera Serviço Ubus clandestino

Segue paralisado o mais novo serviço de ônibus rodoviário por aplicativo batizado de Ubus, que a Viação Metra inaugurou no final de setembro. A nova frota de ônibus modelo Paradiso G7 1050 equipados com chassi Mercedes-Benz 0-500RS que chegaram circular com passageiros na linha 376E, ligando a cidade de São Bernardo do Campo, no ABC até a Zona Sul de São Paulo, seguem parados e sem previsão de retorno.

Uma fiscalização da Prefeitura de São Paulo, através da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transporte, tirou das ruas o serviço Ubus, que foi lançado pela Metra.

Foto: Reprodução de Rede Social

Em nota divulgada, a Secretaria Municipal de Mobilidade da Prefeitura de São Paulo chegou declarar que “o serviço UBus não está credenciado e, portanto, é clandestino. O credenciamento visa garantir a segurança dos munícipes e prevenir a ocorrência de acidentes”.

Em entrevista publicada pelo Diário de Transportes nesta sexta-feira (4/9), Edson Caram que é Secretário de Mobilidade e Transportes da Prefeitura de São Paulo, informou que a portaria fixava o itinerário de um serviço de ônibus por aplicativo da empresa Metra, em São Bernardo do Campo, ligando a região do ABC a Zona Sul de São Paulo, não chegou a ser assinada por ele e nem publicada em Diário Oficial, portanto, segundo Caram, a companhia não recebeu autorização para operar a modalidade com veículos de alto padrão nos trechos de corredor exclusivo de transporte coletivo.

Com informações da Prefeitura de São Paulo