Aparecida ônibus Blog da Redação Cidades São Paulo Turismo Viajando de Ônibus

Santuário espera 170 mil para Dia da Padroeira em Aparecida

APARECIDA – O Santuário Nacional de Aparecida espera 170 mil pessoas para o Dia da Padroeira do Brasil, celebrado neste sábado, feriado nacional.

Ônibus de romeiros começaram a chegar nas primeiras horas da madrugada, lotando o pátio da Basílica. Às 7h, a entrada principal da cidade pela Via Dutra foi fechada pela Polícia Rodoviária Federal, em razão do excesso de veículos.

Dentro do Santuário, a sensação é de que a Basílica não está tão cheia assim, mas milhares de pessoas ainda devem chegar para a celebração solene da festa de Nossa Senhora Aparecida, às 9h. A missa será celebrada pelo arcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes.

Segundo a assessoria de imprensa do Santuário Nacional, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), cancelou a participação na missa solene. O motivo não foi informado.

O tema da festa deste ano é “Com Maria: escolhidos e enviados em missão”, com uma especial referência à Amazônia, em razão do sínodo que está sendo realizado no Vaticano sobre a floresta.

“A moral social da Igreja ensina que não é possível separar fé e vida. Fé é sempre em função da defesa da vida”, disse o padre Eduardo Catalfo, reitor do Santuário Nacional, sobre a inclusão da Amazônia no tema da festa.

“Amazônia é uma questão difícil para todos, não só para a Igreja, mas para os poderes públicos. Temos acompanhado a dificuldade do governo em resolver o problema dos incêndios”, completou.

Na parte da tarde, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) deve participar da missa das 16h, o que deve aumentar a quantidade de pessoas acompanhando a celebração.

No Santuário Nacional, as manifestações de fé de milhares de devotos podem ser acompanhadas em vários pontos, como a Sala das Velas, a passarela e no nicho da imagem de Nossa Senhora Aparecida, encontrada no Rio Paraíba, por três pescadores, em 1717.

Com informações da Agência Brasil

Confira a cobertura completa do Especial Aparecida 2019

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.