Tarifa de ônibus de Curitiba só deve aumentar em fevereiro de 2020

Tarifa de ônibus de Curitiba só deve aumentar em fevereiro de 2020

22 de julho de 2019 Off Por revistadoonibus

CURITIBA – A tarifa de ônibus de Curitiba que hoje é de R$ 4,50, deverá se manter no mesmo valor até o início do ano que vem, com informa a Prefeitura da cidade que acertou um convênio entre a prefeitura e o governo do Paraná firmado nesta segunda-feira, 22. Pelo convênio ficou acertado que o Estado vai repassar R$ 40 milhões ao município, o que irá garantir o subsídio da tarifa. Atualmente, o custo real da passagem de ônibus é de R$ 4,79.

Foto: Divulgação – Prefeitura de Curitiba

A prefeitura e o governo, porém, bancam a diferença de R$ 0,29  em favor do usuário, que só paga R$ 4,50. Esse é o mesmo valor que está em vigor desde março deste ano. Além do preço da passagem, o convênio também acertou a criação de novas faixas exclusivas para os ônibus de Curitiba. A maioria delas fica na região central da cidade, nas ruas João Negrão, Marechal Deodoro, Emiliano Perneta, Amintas de Barros, Alfredo Bufren e Imaculada Conceição, essa perto da PUC até a Linha Verde. As faixas devem ser implantadas em até seis meses – ou seja, até janeiro do ano que vem.

Segundo o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia, além de acelerar a velocidade dos ônibus, as faixas exclusivas também ajudam a reduzir o custo do sistema.

O convênio também prevê a implantação de novas linhas metropolitanas. Elas vão passar pela Vila Tupy, em Araucária, ligando o local ao terminal Pinheirinho em Curitiba, e em Pinhais, cujo terminal será integrado ao terminal Centenário, em Curitiba, com a criação de uma linha entre eles.//Somando o subsídio e a implantação das faixas exclusivas, o investimento do estado e da prefeitura no sistema de transporte público foi de R$ 200 milhões.

Com informações da Prefeitura de Curitiba e Bem Paraná