Tarifa de ônibus em Campinas é a mais cara do Brasil no momento

Tarifa de ônibus em Campinas é a mais cara do Brasil no momento

7 de julho de 2019 Off Por Redação Revista do Ônibus

CAMPINAS – O aumento na tarifa dos ônibus municipais de Campinas, que passa a valor a partir deste domingo (7), onde já informamos sobre o aumento, passa de R$ 4,70 para R$ 4,95. O município passou ter a tarifa de ônibus urbanos caro do Brasil. O valor supera em 0,15 centavos o preço da segunda colocada, Joinville (SC), onde a passagem embarcada (dentro do ônibus) custa hoje R$ 4,80. O valor campineiro é maior também do que em todas as capitais brasileiras. 

A Prefeitura anunciou o aumento de 5,31% em publicação no diário oficial de segunda-feira (1) e as justificativas da administração municipal para a alta foram o aumento do preço do diesel, reajuste de salários dos trabalhadores e a necessidade de “reequilíbrios econômicos” no sistema de transporte público, já que a última alteração aconteceu em janeiro de 2018.

De acordo com o Executivo, o reajuste ficou abaixo do índice inflacionário do período, considerando que a inflação no intervalo de janeiro de 2018 a maio de 2019 foi de 6,05%. Para as pessoas que decidiram recarregar o cartão até às 23h deste sábado (6) ainda podem pagar o bilhete no valor anterior ao aumento.

Como ficam os bilhetes

De acordo com o texto do decreto, o valor de R$ 4,95 será aplicado para o crédito do tíquete QR Code, crédito de Bilhete Único Vale Transporte. Os operadores do Sistema Intercamp ficam obrigados a conceder desconto de R$ 0,40 aos usuários do Bilhete Único Comum.

Os valores a serem descontados dos créditos monetários dos cartões eletrônicos de Bilhete Único, adquiridos a partir deste domingo são:

  • crédito de Bilhete Único Comum: R$ 4,55 (reajuste de 5,81%)
  • crédito do Cartão Especial: R$ 4,95
  • crédito de Bilhete Único Escolar: R$ 1,82
  • crédito de Bilhete Único Universitário: R$ 2,28

Na segunda integração realizada pelo usuário no Sistema de Bilhetagem Eletrônica serão descontados os seguintes valores:

  • crédito de Bilhete Único Comum: R$ 0,40 (quarenta centavos)
  • crédito de Bilhete Único Vale Transporte: R$ 0,40 (quarenta centavos)
  • Não haverá cobrança de integração tarifária temporal para: crédito de Bilhete Único Escolar e crédito de Bilhete Único Universitário

A Prefeitura ressalta que o chamado Linhão de Saúde/ Circular Centro (identificada pelo número 502) passa a ter tarifa de R$ 3 para o Bilhete Único Comum, de R$ 1,20 para o passe estudante e de R$ 1,50 para o passe universitário.

Com informações da Prefeitura de Campinas e EPTV