Ônibus parados em galpão são apreendidos pela justiça no interior de São Paulo

Ônibus parados em galpão são apreendidos pela justiça no interior de São Paulo

21 de Maio de 2019 Off Por revistadoonibus

LIMEIRA – A Prefeitura de Limeira informou que seis dos 12 ônibus parados em um galpão particular da cidade foram removidos do local nesta terça-feira (21) após o cumprimento de uma ordem de busca e apreensão pela Justiça Federal. Os coletivos eram alugados pela Viação Limeirense, responsável pelo transporte público da cidade, e faziam parte da frota municipal.

Os outros seis devem ser retirados na quarta-feira (22), segundo a prefeitura. Os ônibus pertencem à Viação Princesa Tecelã e o contrato de locação entre a empresa e a Limeirense foi rompido em dezembro de 2017.

Foto: Gabinete Vereador Marcelo Rossi – Divulgação

Com isso, os 12 ônibus foram deixados no imóvel particular, o que motivou uma abertura de inquérito do Ministério Público Estadual (MP-SP).

De acordo com o Executivo, a ordem de busca e apreensão se deu após uma ação da Caixa Econômica Federal (CEF), que é o banco credor de um financiamento feito pela Princesa Tecelã e supostamente não pago.

“A Justiça fez cumprir o mandado e seis dos 12 veículos foram levados ao pátio do banco em Belo Horizonte”, informou a Prefeitura de Limeira.

Foto: Divulgação Prefeitura de Limeira

O advogado da Princesa Tecelã, André Roland, afirmou que aguarda a citação da empresa para se inteirar do processo e decidir as ações da defesa.

A Viação Limeirense está sob intervenção da prefeitura há dois anos. A intervenção foi instaurada após uma greve de motoristas e a crise administrativa da empresa.

Com informações da Prefeitura de Limeira e EPTV