Aprovado o plano de recuperação judicial da Comil

Aprovado o plano de recuperação judicial da Comil

25 de abril de 2019 Off Por revistadoonibus

Com uma dívida em torno de R$ 430 milhões em 2016, a encarroçadora de ônibus Comil, iniciava seu processo de recuperação judicial. De lá para cá, a empresa continuou suas atividades apesar de toda as dificuldades.

Nesta quinta-feira (25), após uma assembléia geral, realizada em Erechim, no interior do Rio Grande do Sul, os credores da encarroçadora, aprovaram o plano de recuperação judicial da empresa.

Segundo a fabricante, 60% dos credores deram o aval para a homologação do plano pela Segunda Vara de Cível de Erechim, onde corre o processo.

A Comil informou ainda que já destinou R$ 4,8 milhões em pagamentos de antecipações aos credores trabalhistas. Desde 2016, a Comil contratou 280 funcionários, sendo cerca de 100 recontratações de mão de obra que havia sido desligada, segundo comunicado.